Nova geração do Chevrolet Camaro chega em 2015

Camaro amarelo 2016

Pelo que parece, o ano de 2015 promete ser de grandes revelações no mercado automobilístico. As grandes montadoras estão começando a revelar suas apostas para conquistar o público consumidor. Como já vimos, a Ford apostará no clássico dos anos 60, o Pony Car, Mustang. E, para não ficar de fora no quesito de inovação, a Chevrolet (General Motors) resolveu jogar pesado, inovando ainda mais o clássico dos clássicos, Camaro, o Muscle Car.

O Camaro segue sua história desde os anos 60, devido ao grande sucesso do Mustang, em 1964, a GM lançou o Camaro em 1966, um coupé para competir de igual para igual com o coupé da Ford. Tornou-se um grande sucesso, passou por várias modificações durante as décadas, porém teve sua produção interrompida em 2002 que, mais tarde (2009) teve continuidade novamente.

Camaro antigo e atual 2016

Para comemorar os 50 anos do Camaro em 2016, A GM resolveu pôr um basta nas especulações que assombravam a nova geração do Muscle Car, afirmando que a sexta geração do Camaro terá sua estreia oficial em 2015, com suas primeiras unidades sendo vendidas logo em 2016. O local para apresentação ainda não foi definido, mas tudo indica que seja na abertura do Salão de Detroit, nos EUA.

A geração atual (2014) será fabricada até o final de 2015 apenas (5ª geração). A GM promete modificações mais severas na parte mecânica do que no design. Vejamos algumas especificações passadas.

Motor

Para avaliar o motor do Camaro 2016, que até agora são somente especulações, devemos mencionar que há seis opções de motor ditas pelo porta-voz da GM, previsto para serem instalados nos carros. Aqui estão as opções possíveis para o Camaro 2015 :

Camaro amarelo 2016 apresentação

Os novos cilindros de 6,2 cm³, estilo V8 Small Block LT1 ou Supercharged V8 SMLL Block; o de 3,6 cm³ twin turbo V6 LF3; o de 7,0 cm³ aspirado naturalmente, estilo V8; o de 3,6 cm³ V6 aspirado naturalmente LFX; e por fim o de 2,0 cm³ Oter turbo I4LTG.

Motor do Camaro 2016

Algumas mudanças já confirmadas foram anunciadas, como por exemplo, a plataforma que terá a base Alpha com tração traseira, utilizada atualmente em outros modelos, como os Cadillacs ATS e CTS. A transmissão também terá algumas mudanças significativas, entre elas um câmbio manual contendo 7 marchas e um automático de dupla embreagem.

Design e acessórios

O Camaro incorpora a mais recente linguagem de design corporativo da GM, com a grade dividida em uma abertura superior fino e menor para uma primeira impressão marcante.

Camaro 2016 amarelo lateral

Faróis slim cruzam o longo capô dinâmico que fica pouco acima das linhas dos para-lamas dianteiros. O DLO (área de abertura para luz do dia) é uma mistura de velho infundido com o novo, portanto, uma linha de cintura “up-kick” em torno das quartas janelas laterais – um aspecto que lembra o estilo do original 1967. Outro elemento de design contemporâneo é os pilares do para-brisa que nos remete ao Camaro de quarta geração e ao mais novo Corvette.

Camaro 2016 interno

Além da cabine libertina, o novo Camaro vêm com rodas lançadas para fora e nos cantos – enfatizando uma postura forte e dinâmica ao carro. As luzes traseiras ficam niveladas com a linha de ombro, niveladas ao porta-malas.

Infelizmente, a empresa está sendo muito rigorosa no tráfego de informações, mantendo, desta forma, todas as outras informações em sigilo.

Quer ver um protótipo do lançamento? Então, assista ao vídeo que segue abaixo.

Vaza preço do novo Ford Mustang 2015 nos EUA a partir de R$ 54 mil

Gosta de carros clássicos? Aposto que irá gostar dessa nova versão do Mustang que a Ford está apostando para o ano de 2015. Pode ser difícil, para nós, brasileiros, acreditar que um carro desse porte e de tamanha tradição possa ser vendido nos Estados Unidos a um valor de um carro intermediário no Brasil. Seu valor divulgado para as concessionárias é aproximadamente US$24,425 o equivalente a R$54,000 no Brasil.

 

Ford Mustang 2015

Com uma tradição que se segue desde os anos 50, o “pony car” estreou pela primeira vez em uma Feira Mundial no ano de 1964, em New York, e quase que instantaneamente se tornou o alicerce da América do Norte no quesito automóvel.

Ford Mustang 1964

Antes que o modelo completasse 50 anos e se transformasse oficialmente, a Ford celebrou sua enorme contribuição para uma nova cultura pós-guerra com novo e tão esperado Mustang. E, assim como o tempo passa, os gostos mudam! O queridinho da Ford teve que mudar e se adaptar a nova geração, visto que continua a ganhar seus admiradores pelos quatro cantos do mundo. A mais antiga montadora do mundo pretende vender o novo Mustang 2015 em escala global. E, para agradar os compradores dos outros países, o carro será mais leve, eficiente e esportivo. O que não deixará de desmerecer os tradicionalistas. Quer saber por quê? Veja só o que esse clássico trará para os amantes do pônei.

Motor

Previsto já em seu lançamento, o Mustang virá com as mesmas especificações de motores oferecidos para o atual Mustang:

Mustang 2015 lateral

Com sistema de partida por botão, os motores serão o tradicional V6 de 3,7 cm³ com torque de 37,12kgf.m e o V8 “Coyote” de 5,0 cm³ com torque de 53,84kgf.m, aspirado a ar naturalmente, ambos possuem a mesma potência dos Mustangs comercializados hoje, o que equivale a 305 e 426 cavalos, respectivamente. As transmissões ficarão a critério do consumidor, com a opção manual de 6 velocidades e a automática, também de 6 velocidades com tração traseira.

Uma novidade no quesito de mecânica é a suspensão. A montadora resolveu projetar um sistema de suspensão traseira independente, focada para ter maior desempenho. A fim de reduzir o peso final e melhorar ainda mais a dirigibilidade, o Mustang terá barras de alumínio, junto de um melhorado sistema de controle de estabilidade, maximizando a dinâmica da direção. Através dos botões presentes no console do carro, o motorista poderá configurar a maneira com que se pretende dirigir. Modificando, consequentemente, a resposta do motor e também o controle e a transmissão eletrônica.

Design e acessórios

Com design moderno e arrojado, a dianteira segue com um padrão global da Ford, contendo uma grade trapezoidal contornado por novos e melhorados faróis, para-brisa inclinado (o que melhora a aerodinâmica), teto baseado no estilo clássico do fastback, capô lapidado com vincos mais resistentes (o que dá um ar mais robusto ao Mustang). Na traseira, temos um aumento na largura (cerca de 1cm) e lanternas de LED constituída de 3 barras sequenciais.

Dianteira do Mustang 2015

Algumas mudanças que podem representar quase nada em um design normal, mas que dá um olhar mais atlético a esse carro. O novo Mustang é 1,4cm mais baixo que sua versão anterior.

Esse Mustang vem equipado de 8 Airbags, câmera de ré, sensor de estacionamento, painel multimídia com entradas para USB, abertura de porta malas com controle interno e na chave, controle eletrônico da pressão nos pneus, volante e bancos revestidos de couro, Dois medidores grandes, saídas de ar circulares, painel de instrumentos inclinada, controle de climatização ou qualquer outro comando pelo sistema My Ford Touch. A iluminação do ambiente será multável continua, que se espalhará do porta-copos, alto-falantes e para os demais pontos dentro da cabine, típico dos carros europeus de luxo.

Gostou né? O “carro pônei” foi lançado em sete cidades dos quatro principais continentes do mundo. Nos EUA, foi apresentado na cidade de Dearborn, Michigan, New York e por fim Los Angeles. Na China, a Ford apresentou somente em Xangai, na Austrália, foi lançado em Sydney e por fim na Espanha com sede em Barcelona. Em sua versão europeia, o Mustang terá aros de 19 polegadas.

Infelizmente o Mustang só está sendo comercializado nos EUA, mas logo em 2015 chegará aos demais países.

Quer ver os testes do novo Ford Mustang 2014? Então, ative a legenda de seu vídeo e assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Gol G6 2014

Volkswagen Gol G6 2014Um dos carros mais populares do Brasil, o Gol pode ser encontrado em quase todas as ruas do norte ao sul brasileiro, e até fora do país, pois o Gol também é um dos carros mais populares em todo mundo, principalmente na Europa. Seu sucesso é tanto, que a cada ano a Volkswagen procura trazer novos melhoramentos e aperfeiçoamentos, para deixar o bom ainda mais irresistível. E não poderia ser diferente com o Volkswagen Gol G6 2014, que promete estar entre os melhores da categoria nesse ano de 2014. Saiba mais sobre esse carro que já é cem por cento brasileiro:

Avaliação do Volkswagen Gol G6 2014

Interior Volkswagen Gol G6 Rally 2014O design conhecido e apreciado pelo público está de volta, só que melhorado e aperfeiçoado para dar ao carro melhor aero dinâmica, mas principalmente para conceder ainda mais estilo ao visual do carro mais popular do Brasil.

Seu espaço interno continua bastante confortável, e adequado para todos os tipos de passageiros, contando com acessórios e equipamentos de última geração para tornar a viagem ainda mais confortável. Um dos carros mais econômicos da categoria, sua nova tecnologia permite que consuma até 8% menos que os carros anteriores, o novo Gol combina a economia do preço com a economia das ruas, mantendo-se entre os carros mais econômicos da categoria.

Seguindo a tecnologia já inaugurada em outros carros da Volkswagen, o novo Gol conta com a arquitetura eletrônica, que permite a instalação de vários recursos tecnológicos, como o ECO Comfort. Em termos de desempenho, ele ainda é um dos carros mais estáveis e ágeis da categoria, fazendo da viagem um rápido e confortável deslizar na pista. Os motoristas, e mesmo as principais revistas automobilísticas do país, não negam que o carro é um ótimo investimento, estando com as notas mais altas em quase todas as categorias avaliadas.

Ficha técnica do Volkswagen Gol G6 2014

Volkswagen Gol G6 2014 vermelho de frente

O motor do novo Gol é bastante flexível, e roda com Etanol e Gasolina. Com 1.598 cilindradas cm³, apresenta quatro cilindros, com duas válvulas.

Sua potência (cv) é de 72(G) / 76(A), com torque (kgf.m) entre 9,7(G) / 10,6(A), e uma taxa de Compressão muito satisfatória de 12,7. Sua alimentação é totalmente por injeção eletrônica, do tipo multiponto sequencial.

O novo Gol conta com 5 marchas e cambio manual. Sua tração é dianteira e seu sistema de suspensão é independente. Sua velocidade máxima também é bastante satisfatória, atingindo entre (Km/h) 163(G) / 165(A), com uma aceleração de 0-100 km/h (s) 13,4(G) / 12,9(A).

Preço do Volkswagen Gol G6 2014

Volkswagen Gol G6 2014 vermelho

Sendo um dos carros mais populares do mercado, o Volkswagen Gol G6 2014 é naturalmente um carro bastante econômico em todos os sentidos, inclusive no preço, que é um dos seus maiores atrativos. Versátil e flexível em termos de números, o novo Gol trás uma tabela de preços bastante variada, segundo o modelo que você deseja. Assim, você pode encontrar o novo Volkswagen Gol G6 2014, duas portas, por um preço bastante acessível de R$ 25,750, ou sua versão quatro portas mais completa, por R$ 47,480.

Assista ao  teste drive com o Gol G6 Rallye 2014 nesse vídeo do youtube:

Toyota Hilux 4×4 cabine dupla 2014

Toyota Hilux 4x4 cabine dupla 2014 lateral

Na procura por uma 4×4, o consumidor deseja uma caminhonete que seja rápida, confortável e segura, e também que corresponda as expectativas pós-compra.

A Toyota é uma das líderes mundiais em vendas nessa categoria, no Brasil já conquistou seu espaço e diversas marcas elaboraram suas versões baseadas na Hilux.

A Hilux cabine dupla é o modelo que já está no mercado há anos, e que continua inovando cada vez mais para que possa render o máximo de seu desempenho para os consumidores. Feita em 7 versões diferentes, a Hilux já tem seu nome na história e só não é melhor comercializada por conta dos altos valores de combustíveis no Brasil.

Consumo da Toyota Hilux 4×4 cabine dupla 2014

Para esse ano a Hilux está ainda melhor e conta com muitos atributos que a deixam no topo do ranking entre os modelos vendidos, em sua lista de concorrentes encontram-se a nova S10, nova Ranger, Amarok e outras que possuem as mesmas características.

Um ponto que não tem como as concorrentes conseguirem copiar é o motor, que possui rendimento e qualidade surpreendente.

Toyota Hilux 4x4 cabine dupla 2014 teste

A média de consumo é boa se pensarmos que se trata de uma 4×4 potente, em que consegue fazer a média de 6,8 km/litro na cidade. Nas pistas, o rendimento sobe para cerca de 8,5 km/litro, em qualquer um dos pontos a Hilux consegue gastar pouco por causa de seu câmbio automático, mas muitos garantem que a versão manual seria ainda mais eficiente.

Preço da Toyota Hilux 4×4 cabine dupla

Diferente da maior parte das marcas que possuem concessionárias no Brasil, a Toyota já inclui em seus preços finais o valor do frete e do seguro. Desta maneira o proprietário terá a oportunidade de pagar R$ 104.740,00 pelo modelo automático abastecido por gasolina e etanol, e aqueles que desejam os modelos ainda mais completos terão de pagar até R$ 148.550,00.

Toyota Hilux 4x4 cabine dupla 2014 traseira

No modelo 2014, alguns detalhes quando vistos de perto acabam lembrando as linhas do Corolla, a começar pela grade frontal que passou a ser cromada e com mais espaços para poder refrigerar melhor o radiador.

Os retrovisores agora possuem setas embutidas, tornando a visualização de outros motoristas aos seus movimentos mais eficientes, as rodas de liga receberam novo desenho e são de tamanho 17 com seis furos.

Ficha técnica da Hilux 4×4 cabine dupla 2014

Modelada para vencer desafios a SRV vem com um motor a Diesel D-4D de 3.0L 16V Turbo intercooler, com esses acessórios conseguem produzir a potência de 171 cavalos a 3.600 rpm, e o torque é de 36,7 kgfm. O diâmetro x curso é de 96 x 103, enquanto a taxa de compressão fica em 15,0:1, todos trabalham com a alimentação feita por injeção eletrônica de combustível.

A transmissão dessa caminhonete em todas as suas versões funciona através de um câmbio de 5 velocidades, que trabalha com inteligência artificial e corresponde bem com as trocas precisas na hora certa. Tem direção elétrica, travas elétricas, comandos no volante, central de mídia e várias informações no painel.

Toyota Hilux 4x4 cabine dupla 2014 interior

De longe a Hilux cabine dupla está entre as caminhonetes mais completas vendidas no Brasil atualmente, por isso já conseguiu conquistar muitos compradores.

Quer saber mais sobre a Toyota Hilux 4×4 cabine dupla? Então assista ao vídeo que segue abaixo.

Toyota Corolla XRS 2.0 2014

Toyota Corolla XRS 2014

O Corolla está na lista dos três carros mais vendidos no mundo, e a Toyota trabalha cada vez mais para poder deixá-lo atraente aos olhos dos consumidores.

A cada ano que passa recebe novas modificações e entra em acordo com o que há de mais novo em tecnologia na atualidade, esse com certeza é o maior segredo da marca nesse veículo.

A versão que está agitando o mercado ultimamente é a XRS, que surpreende por deixar o carro ainda mais estiloso. Todas as suas linhas ganharam mais detalhes a começar pelo seu para-choque alongado na dianteira e na traseira, na lateral os spoilers acompanha os dois.

Preço do Toyota Corolla XRS 2.0 2014

Para aqueles que preferem carros tunados, o Corolla XRS já vem assim de fábrica, tudo o que possui segue exatamente o que as normas da aerodinâmica requerem. Por ser assim, o XRS consegue se sobressair em desempenho tanto nas pistas quanto na cidade, ganhando mais potência, economia de combustível e beleza em seus quatro cantos.

Toyota Corolla XRS 2.0 2014 teste

Nessa versão, o Corolla requer que o consumidor gaste um pouco mais para tê-lo, esse modelo tem preço sugerido de R$ 76.680,00 nas concessionárias e dependendo dos opcionais escolhidos para fazer parte do pacote o valor pode ser elevado passando a média dos R$ 80.000,00.

Consumo do Toyota Corolla XRS 2.0 2014

Desde os primeiros modelos, o Corolla sempre foi um veículo pesado, detalhe que aumenta o seu consumo de combustível drasticamente. Os números oficiais lançados pela Toyota mostram que o Corolla pode ir de o a 100 km/h em apenas 11,6 segundos e sua velocidade máxima é de 193 km/h limitado de fábrica.

Por ser flex, o Corolla XRS possui duas medidas de consumo diferentes, com gasolina consegue fazer 8,22 km/litro na cidade e 12,84 na pista, se for com etanol faz 6,7 na cidade e 10,17 km/litro.

Toyota Corolla XRS 2.0 2014 frente

Outro motivo que ajuda o carro a ser um dos maiores consumistas de combustível em sua categoria é o câmbio automático, com isso o condutor tem apenas 4 marchas disponíveis.

Se fosse usada uma versão manual seria mais fácil de aumentar os números, mas como o Corolla foi feito para ser um top de linha não poderia contar com o item simples.

Ficha técnica do Toyota Corolla XRS 2.0 2014

O Corolla vem com um motor na dianteira transversal 2.0 AT com 4 cilindros em linha, duplo cabeçote, 4 válvulas por cilindro e curso dos pistões de 97,6 mm. São 1986 cilindradas que produzem 153 cavalos de potência com etanol e 142 cavalos de potência utilizando gasolina, ambos atingem a máxima em 5.800 rpm.

Toyota Corolla XRS 2.0 2014 interior

O torque é o responsável por segurar esse veículo em velocidades elevadas, por isso foi dado 20,7 kgfm com etanol e 19,8 kgfm utilizando gasolina, sua máxima precisa de menos aceleração do que a potência ficando em 4.800.

Apesar de não ser dos mais baratos, o Corolla XRS tem bons atrativos para os consumidores, é completo em todos os sentidos com seus acessórios que foram inclusos de fábrica, os conhecidos  itens de série.

Para saber mais sobre o Toyota Corolla XRS 2.0, assista ao vídeo que segue abaixo.

Fiat Bravo Wolverine 2014

Fiat Bravo Wolverine 2014

Personagem conhecido por fazer parte dos X-Men, o Wolverine já recebeu seu próprio filme, nele o personagem surge e começa a criar seu próprio destino depois que percebe que é um mutante.

Atualmente um novo Filme foi lançado com o título de “Wolverine: Imortal”, aproveitando a deixa a Fiat resolveu lançar um veículo para homenagear o personagem.

O carro será vendido logo no primeiro semestre de 2014 e terá como missão aumentar em grande quantidade o número de procuras pelo Bravo, na qual é um carro que tem muita tecnologia e conforto em seu interior.

Preço do Fiat Bravo Wolverine 2014

A principal preocupação da marca era conseguir fazer com que o Bravo recebesse as mesmas características do personagem, ou seja, ficasse com a cara de mau.

Essa característica começa pelas laterais, com adesivos que simulam cortes causados pelas garras e ainda na parte exterior vem com rodas de liga de 17 polegadas que utilizam a mesma cor do metal adamantium que é utilizado na composição do corpo do personagem.

Fiat Bravo Wolverine 2014 lateral

Apesar das mudanças feitas para deixar esse veículo o mais próximo do personagem possível pouco foi acrescentado em seu valor, por isso o consumidor encontrará o preço sugerido de R$ 57.640,00 nas concessionárias.

Terá a versão azul metálico e a branco sólido, tanto uma quanto a outra vêm com os mesmos detalhes no interior e na parte exterior.

Consumo do Fiat Bravo Wolverine 2014

Assim como os modelos que não participam da série especial o Bravo Wolverine tem as mesmas características deles, com autonomia para fazer a média de 10 km/litro tanto na cidade quanto na pista.

Um bom número apesar da concorrência ser trabalhada para superar esses limites, se rodar a baixo dos 100 km/h na última marcha a rotação será baixa e o veículo conseguirá render ainda mais.

Fiat Bravo Wolverine 2014 teste

A aceleração desse carro é suave e responde rapidamente quando o condutor pisa para valer, é bom de arrancada e faz uma boa média de velocidade máxima ultrapassando os 200 km/h, limitado eletronicamente.

Os freios são ABS e começam a agir rapidamente quando o condutor pisa ao freio, tanto na cidade quanto na pista o item pode ser importante.

Ficha técnica do Fiat Bravo Wolverine 2014

A marca já divulgou todas as informações a respeito desse carro, que virá com um motor de 1.8 litro com 16V E.Torq capaz de gerar 132 cavalos de potência.

Diferente da concorrência, será preciso acelerar um pouco mais para conseguir atingir seu limite, afinal o torque máximo demora para ser atingido.

Fiat Bravo Wolverine 2014 interior

Diversos itens de série estão instalados nesse veículo, desde o retrovisor eletrocrômico, sensores de chuva, comando por voz diretamente no volante, sensor de estacionamento, e muitos outros que podem agregar ainda mais ao veículo.

Ainda não se sabe quantas unidades serão postas no mercado, mas com certeza deverá ganhar muitos adeptos graças ao personagem em que foi baseado.

Basta esperar os números oficiais da marca para saber como o público reagiu a esse modelo e se deverá continuar sendo fabricado nos próximos semestres ou se irá parar por aqui.

Para saber mais sobre o Fiat Bravo Wolverine 2014, assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Novo Fusca 2014

Volkswagen Novo Fusca 2014

O Fusca é o ícone maior da história da Volkswagen, e não é apenas no Brasil, o carro que foi desenhado por Hitler ficou conhecido no mundo inteiro.

A diferença entre as versões que foram lançadas em cada país é de que recebeu um nome em cada lugar, por isso em alguns países o nome em si “Fusca” não é conhecido.

Antes do modelo que foi recém lançado, a Volkswagen tinha mudado o nome do Fusca para New Betlee, não se sabe se foi pelo nome ou simplesmente pelo valor que esse carro não foi melhor comercializado no país, mas a marca deseja muito que o novo Fusca possa superá-lo em vendas.

Consumo do Volkswagen Novo Fusca 2014

O carro voltou a se chamar Fusca para ser uma jogada de marketing da empresa, a julgar pelos primeiros números de vendas parece que tudo deu certo.

Nem foram feitas tantas mudanças com relação ao modelo Betlee na parte exterior, tanto que os comparativos demonstrados por vários jornalistas mostraram o lado positivo e negativo de cada um deles.

Volkswagen Novo Fusca 2014 teste

Um dos pontos em que o carro sofreu uma leve melhora foi em seu consumo de combustível, com o novo motor passou a fazer a média de 8,6 km/litro na cidade e 11 km/litro na estrada.

Os números representam exatamente o que um motor moderno e potente pode fazer, superando expectativas e a concorrência.

Preço do Volkswagen Novo Fusca 2014

O valor pago por esse carro pode variar bastante de acordo com tudo o que tem a oferecer como opcional, por exemplo, a famosa marca que fabrica guitarras e outros equipamentos musicais é a tecnologia dos alto falantes do Fusca.

Para contar com eles o consumidor tem que desembolsar um pouco a mais, sendo assim, será instalado diretamente na fábrica e se tornará outro item a ser cobrado no veículo.

Volkswagen Novo Fusca 2014 comparação

Serão várias versões dentro de um mesmo modelo, com possibilidades de colocar os acessórios desejados e o tornar ainda melhor. O novo Fusca tem um preço inicial sugerido pela marca para as concessionárias, os interessados poderão pagar cerca de R$ 76.600,00 na edição que não conta com nenhum opcional incluso.

Ficha técnica do Volkswagen Novo Fusca 2014

O motor do novo Fusca é um 2.0 TSI de 2 litros, é alimentado por turbo com injeção eletrônica direta, no total consegue gerar 200 cavalos de potência a 5.100 rpm, seu torque é de 28,55 kgfm e 1700 rpm.

Volkswagen Novo Fusca 2014 interno

Desde as baixas rotações o Fusca envia muita potência para as rodas, e em um teste simples ficou claro que está muito à frente da versão anterior.

De acordo com a pedida do consumidor o carro pode chegar ao preço de 102.271,00 reais, entre alguns itens de série vem o câmbio automático que envolve até 7 marchas, elas são trocadas suavemente e pouco é sentido no interior, para completar o novo Fusca tem bancos com regulagens, direção hidráulica, trio elétrico, bancos em couro e comandos no volante.

Independente da versão e dos opcionais escolhidos pelo consumidor, o Fusca será uma ótima opção no mercado, concorrendo com o Hyundai Veloster, Citroën Ds3 e Mini Cooper.

Para saber mais sobre o Volkswagen Novo Fusca 2014, assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Golf Highline TSI 1.4 2014

Volkswagen Golf Highline TSI 1.6 teste

Com propagandas em grande estilo na internet e televisão, o novo Golf já está no mercado brasileiro, recebeu novos detalhes e foi renovado em sua aparência para continuar agradando aos consumidores.

O Golf deu um salto e foi diretamente para a 7ª geração que é a mesma vendida na Europa atualmente, uma vez que as gerações de 4 a 6 do carro nem se quer foram lançadas por aqui.

Aparentemente não mudou muito em questão de tamanho e de formato, mas os detalhes que ficam expostos receberam novos moldes e certamente vão fazer a diferença na hora da escolha final do consumidor.

Preço do Volkswagen Golf Highline TSI 1.6 2014

O ponto que levou a montadora a trazer a geração 7 do Golf para o Brasil foi que o mesmo recebeu o prêmio de melhor carro do mundo, nos principais países na qual foi lançado, o Golf recebeu reconhecimento dos consumidores que gostaram muito do que viram, tanto em questões motoras quando em questões de design que sempre foi um ponto indiscutível no Golf.

Volkswagen Golf Highline TSI 1

A partir dessa chegada, o Golf passa a ter um valor mais salgado perante o preço que era cobrado anteriormente, a versão manual tem preço sugerido de R$ 67.990,00.

Já o modelo que conta com transmissão automática é oferecido por R$74.990,00 e quem estiver interessado em ter o GTI que é uma novidade, terá de pagar os R$ 94.990,00 que foram colocados como seu valor final.

Consumo do Volkswagen Golf Highline TSI 1.6 2014

O Golf continua sendo o principal esportivo da Volkswagen na atualidade, só que agora vem com inovação em tecnologia.

O resultado do trabalho dos engenheiros é um carro compacto com o DNA da Volkswagen, mas com mudanças simples no farol dianteiro que o diferenciará de carros como Jetta, Saveiro, Fox e outros que possuem detalhes parecidos no farol e na lanterna traseira.

Volkswagen Golf Highline TSI 1.6 traseira

O prazer de conduzir está nesse veículo, o Golf Highline TSI tem todas as tecnologias que a Volkswagen dispõe, tais como sensor de estacionamento, sensor de ré, sensor de fadiga e até mesmo um que mede a distância do carro à frente avisando o motorista que é para ficar mais longe para evitar acidentes.

A versão com câmbio manual é para os que preferem um carro ainda mais esportivo, com marchas esticadas para acelerar ao máximo, já o câmbio automático é para quem deseja curtir a paisagem em um passeio.

Ficha técnica do Volkswagen Golf Highline TSI 1.4 2014

Por baixo do capô o Golf continua com a mesma esportividade de antes com seu motor 1.4 TSI de 1.395 cilindradas, são 140 cavalos de potência a 4.500 rpm. Tem 25 kgfm de torque a 1.500 rpm.

A transmissão manual possui até 6 velocidades para alongar as marchas, e a versão automática tem câmbio de 7 marchas com função tiptronic.

Volkswagen Golf Highline TSI 1.6 2014 inteior

Ainda oferece ar-condicionado digital, sistema de ignição start/stop, 7 airbags, controle de tração, controle eletrônico de estabilidade e até bloqueio eletrônico do diferencial EDS e XDS.

O Golf foi trazido em sua versão atual da Europa para poder continuar a frente dos concorrentes em preferência, e as vendas devem aumentar no próximo semestre.

Para ver mais sobre o Volkswagen Golf 2014, assista ao vídeo que segue abaixo.

Fiat Uno Way 2014

Fiat Uno Way 2014 frente

O Uno começou a ser comercializado em solo brasileiro nos anos 80, a principal preocupação dos fabricantes era com o preço já que queriam oferecer um carro barato e simples.

Os resultados foram ótimos e desde aquela época o Uno está entre os carros mais baratos disponíveis no mercado, contudo ele mudou de novo e agora vem completo na geração atual.

O modelo se desprendeu do Mille e seguiu a diante recebendo seus próprios itens e aparência, a versão Way é intermediaria e traz alguns itens interessantes ao consumidor. Vamos ver do que esse modesto veículo é capaz e o que ele tem a oferecer aos fieis consumidores da marca.

Avaliação do Fiat Uno Way 2014

Antes de ser oferecido aos brasileiros o Uno passou por diversos testes na pista de Interlagos, condições foram simuladas para testar cada um dos componentes que englobam o veículo.

Para a surpresa de muitos ele foi além das expectativas e conquistou a aprovação dos principais órgãos responsáveis, após esse teste já foi direcionado para as vendas nas concessionárias.

Fiat Uno Way 2014 teste

As linhas na carroceria foram instaladas para melhorar a aerodinâmica do carro, mas também trabalham para proporcionar beleza a ele desde o teto até as partes mais baixas.

As linhas são retas com quinas arredondadas, até mesmo a crítica de design italiana, que é uma das mais exigentes do mundo, se rendeu ao veículo e falou coisas positivas a seu respeito.

Preço do Fiat Uno Way 2014

O Uno parece ser um carro compacto e simples quando olhado por fora, mas assim que o interior é inspecionado nota-se que é o contrário disso.

Cada detalhe na carroceria que pôde ser poupado para aumentar o espaço interno foi remodelado, tanto os passageiros como o condutor puderam ficar à vontade levando o banco para frente e para trás ou apenas inclinando o encosto para ficar em uma posição boa para conduzir.

Fiat Uno Way 2014

A empresa da a oportunidade do consumidor personalizar o veículo da maneira que ele preferir, são diversas combinações que podem ser feitas com itens internos e na parte exterior.

Todos eles contam na hora de concorrer com o Volkswagen Gol, com o Pálio da própria Fiat, com o HB20 da Hyundai e com o Etios que estão no mesmo patamar. O preço pode variar muito de acordo com os itens escolhidos podendo ir dos R$ 26.000,00 até os R$ 31.000,00.

Ficha técnica do Fiat Uno Way 2014

Na parte interna diversos itens podem ser adicionados à ficha técnica do Uno como a direção hidráulica, rádio com entrada USB, ar condicionado, porta-objetos, vidros e travas elétricas, opções de revestimentos para os bancos e portas entre tantos outros que ficam até difíceis de serem escolhidos pelo consumidor.

A parte motora tem duas opções disponíveis o primeiro é um Fire Evo 1.0 8V Flex ele atinge a potência máxima de 75 cavalos e tem torque de 9,9 kgfm a 3.850 rpm.

Fiat Uno Way 2014 interior

O outro motor é 1.4 que tem o melhor desempenho da categoria com potência máxima de 88 cavalos e torque de 12,5 kgfm a 3.500 rpm.

Com tantas opções que podem ser agregadas ao Uno fica até difícil dar uma descrição exata de como o veículo é, cada consumidor pode montar o seu com os opcionais que achar cabíveis.

Assista ao vídeo abaixo e veja mais sobre o Fiat Uno Way 2014.

Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014

Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014

A principal marca a conduzir ótimos lançamentos de caminhonetes pelo mundo é a Chevrolet, a empresa americana conhecida como GM dá prioridade a esses modelos nos Estados Unidos graças ao baixo preço do combustível.

Outra montadora que está tentando se adequar a esse movimento é a Volkswagen, e aqui no Brasil já possui o sua versão.

A Amarok foi lançada por aqui em várias edições diferentes, poucos sabem que na verdade são sete delas visando consumidores diferentes. A ideia deu certo e a marca já vendeu milhares de exemplares no país, graças ao trabalho que foi feito nessa picape.

Preço do Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014

Por serem várias edições com diversos opcionais para os consumidores essa picape tem preços distintos, eles se iniciam em R$ 110.000 e podem ir até os R$ 150.000 nas concessionárias autorizadas.

Cada um traz sua própria ficha técnica e variam de preço graças a itens que são inclusos em cada pacote, as mais caras possuem cabine dupla e rodas de liga, enquanto as mais baratas são de cabine simples e com rodas de ferro.

Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014 frente

Os detalhes que são iguais em todas elas ficam por conta do design, as lanternas dianteiras e traseiras possuem o mesmo formato com luzes diurnas na dianteira e luzes em LED na traseira.

A carroceria é feita na mesma plataforma e o interior fica devendo nos modelos simples, afinal, ela é feita para pessoas que precisam de uma picape para carregar peso e que seja resistente.

Avaliação do Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014

Em qualquer terreno a Amarok tem grande consistência e pegada graças a sua tração 4×2 e 4×4, seu uso em terrenos off-road ou on-road são beneficiados por isso.

O que a torna capaz de gerar essa força é o diesel que é a principal fonte de combustível disponível para ela, além de tudo ainda é econômica e se sobressai nesse quesito como uma das que mais quilômetros fazem com apenas um litro de diesel.

Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014 traseira

Tanto o banco do motorista como o do passageiro possui ajuste de altura, durante um passeio é possível acionar o ar-condicionado que trabalha com aquecedores e refrigeradores capazes de elevar a sensação de prazer ao conduzir essa picape em qualquer clima.

Ficha técnica do Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014

Praticamente todas as edições oferecem os mesmos itens na ficha técnica, o motor é um TDI Bi-Turbo que produz 180 cavalos. Desde as baixas rotações o condutor já sente a potência do motor, graças ao torque que é quem controla tudo que é entregue ao motor.

Durante uma arrancada a Amarok mostrou sua força ao fazer de 0 a 100 km/h em apenas 10,7 segundos, esse resultado foi conquistado com o câmbio de seis marchas manuais.

Volkswagen Amarok 3.0 TDI 2014 painel

Também está agregado a Amarok os freios ABS, Airbag duplo para o motorista e passageiro, controle de frenagem, distribuidor de frenagem para as quatro rodas, bloqueio eletrônico, controle de tração e piloto automático.

Além dos preços possíveis, essa caminhonete tem o valor elevado, ainda mais se forem agregados opcionais, mas isso depende de cada consumidor.

Assista ao vídeo abaixo e veja mais alguns detalhes e o desempenho da Volkswagen Amarok.

Nissan Frontier Attack 3.3 2014

Nissan Frontier Attack 3.3

Uma das categorias mais disputadas em todo o mundo é a das caminhonetes, nela os usuários pesquisam com muita atenção antes de fechar negócio. É normal encontrar diversos consumidores em dúvidas sobre qual a melhor opção, pois sabem que depois de comprar não adianta se arrepender se a escolha não foi a correta.

Desde que chegou ao país a Nissan frontier surpreendeu bastante a todos positivamente, o seu motor tem longa durabilidade, dá poucos problemas e tem força suficiente para carregar muita carga na parte traseira. Para 2014 a marca se inspirou no modelo 10 anos, oferecendo tudo o que há de melhor para os usuários.

Preço da Nissan Frontier Attack 3.3 2014

Ao longo do tempo ela veio passando por grandes alterações em sua aparência, em alguns momentos remodelada totalmente e em outros apenas alguns detalhes. Nessa geração a marca optou por voltar a usar a aparência que tinha sido feita no modelo “10 anos”, que era de comemoração, a aceitação foi tanta que os engenheiros não pensaram duas vezes antes de reavivar o projeto.

Nissan Frontier Attack 3.3 2014

Serão cinco edições diferentes para 2014, o modelo de entrada será comercializado com um preço que parte de R$ 91.990,00. Aqueles que querem a configuração topo de linha, SL 4×4 terão de desembolsar cerca de R$ 128.590,00, pois todos os opcionais são instalados como itens de série e saem de fábrica prontos para serem usados.

Ficha técnica do Nissan Frontier Attack 3.3 2014

Em todas as configurações disponíveis a caminhonete vai contar com computador de bordo, além disso, o interior terá monitor LCD, controles de mídia no volante, controle de vidros, travas e retrovisores na porta. Da SV Attack em diante o painel passa a ter um rádio com leitor de CD, mp3, entradas auxiliares e cartão SD, item que é incluso sem que o consumidor tenha que pagar a mais por ele.

Nissan Frontier Attack 3.3 2014 interior

No motor todas as versões terão a mesma configuração: o 2.5 16V turbodiesel, com 163 cavalos de potência na opção 4×2, já na com tração 4×4 são 190 cavalos distribuídos entre todas as rodas, permitindo que a Nissan Frontier seja uma das melhores caminhonetes para o uso em terrenos off-road e para trabalhos que exijam muita força.

Avaliação da Nissan Frontier Attack 3.3 2014

Segundo a própria propaganda da marca essa caminhonete foi feita para vencer os desafios em que é imposta, seja para o trabalho rural, para viagens ou para o uso constante nas cidades ela está preparada para ir até o limite. Pode levar muita carga na parte exterior seja na caçamba ou no teto com as barras longitudinais.

O condutor terá muita facilidade para conduzi-la, o volante elétrico evita que o mesmo tremule em situações criticas, o banco dianteiro com regulagem de altura se adapta a um condutor de qualquer tamanho.

Nissan Frontier Attack 3.3 2014 na lama

As rodas grandes e largas passam sobre os objetos em uma estrada off-road com facilidade, para finalizar a suspensão oferece o boa absorção de impactos que pouco são sentidos no interior, proporcionando um passeio ou trabalho confortável.

As vendas já se iniciaram e em qualquer concessionária da Nissan é possível fazer um teste drive para tirar suas próprias conclusões.

Para saber mais sobre a Nissan Frontier Attack 3.3 2014, assista ao vídeo que segue abaixo.

Renault Sandero automático 2014

Renault Sandero automático 2014

A Renault anunciou há pouco tempo atrás uma nova linha de automóveis compactos que, em pouco tempo, se popularizou e hoje vem conquistando o interesse de muitas pessoas. Trata-se do modelo Sandero, que desde 2007 vem chamando a atenção pelo seu visual bastante aventureiro.

Em 2011, quando recebeu um novo “up” em seu estilo, conquistou o carisma dos apaixonados por carros com as bem-vindas modificações realizadas na traseira e no interior, ganhando melhores acabamentos e aperfeiçoamentos.

O Renault Sandero chegou agora à linha 2013/2014, trazendo algumas modificações em relação às versões anteriores para melhor agradar seus consumidores.

Renault Sandero automático 2014 é bom?

A partir de 2011, quando os carros da linha Sandero ganharam novos acabamentos e alguns melhoramentos, foi introduzida a opção de câmbio automático com quatro marchas.

Campeão de vendas da fabricante de automóveis Renault, o novo Sandero 2014 está disponível em cinco diferentes versões: Authentique, Expression, GT Line, Privilège e Stepway. Os dois últimos, com câmbio automático de até quatro marchas, não fazem feio no acabamento, tanto interno quanto externo, propiciando um design confortável e bastante agradável.

Renault Sandero automático 2014 teste

A motorização de 1.6 16V nos modelos Privilège e Stepway confere a ambos uma potência máxima de até 112 cv, sendo abastecido tanto a álcool quanto a gasolina em um tanque com capacidade máxima para até 50 litros. O torque máximo é de 15,5 kgf.m. Airbags, sistema multimídia, rack de teto, aerofólio integrado, rodas de liga leve 16″ e acabamentos internos com cores diferenciadas proporcionam maior esportividade ao novo Sandero.

Teste do Renault Sandero automático 2014

Nas versões Privilège e Stepway, a linha 2014 apresenta mais elegância e esportividade ao novo Sandero.

Alguns testes foram realizados para verificar a potência do motor, sua eficiência, entre outros aspectos. Esses testes mostraram que o Privilège pode ir de 0 a 100 km/h em até 11.7 segundos, enquanto essa mesma aceleração no Stepway ocorre em 10.5 segundos. O consumo de combustível não chega a ser tão elevado, sendo, em média, de 6 a 9 km/l.

Renault Sandero automático 2014 - Interior

Um teste realizado no ano de 2012 com um modelo da Renault sem a opção frontal de airbag mostrou resultados negativos para o automóvel, reforçando a importância deste item para a segurança dos passageiros.

Preço do Renault Sandero automático 2014

Desde que passou a ser comercializado no país, o Renault Sandero se sobrepõe como um dos modelos de carros mais vendidos do Brasil, estando entre os 15 carros mais procurados pelos consumidores.

O modelo Privilège 1.6, por exemplo, está saindo no mercado por um preço de R$ 45.140, enquanto o Stepway 1.6 vem com um custo médio de R$ 49.120. Ambos os modelos automáticos no mercado se mostram duas grandes opções de consumo para os interessados em adquirir um automóvel na garagem.

Anunciada a nova linha para 2014, a Renault confirmou também que está será a última versão do modelo, enquanto já prepara uma nova geração para o próximo ano. Foi devido a isso que não foram introduzidas muitas novidades no Sandero 2014, que já está sendo comercializado nas concessionárias do país e aos poucos se destacando ainda mais no mercado.

Renault Sandero automático 2014 lado a lado

Os preços para ambas as versões Stepway e Privilège se apresentam justos à estrutura de série apresentada pelo automóvel, que tem se mostrado um concorrente de peso para outros hatchs bastante populares.

Para saber mais sobre o Renault Sandero, assista ao vídeo que segue abaixo.

Toyota Corolla Altis 2.0 2014

Toyota Corolla Altis 2.0 lado a lado

O Corolla se tornou conhecido por ser o carro mais vendido em todo o mundo, independente da categoria os seus números são muito expressivos e marcam uma era para a Toyota.

Para muitos que já tiveram a oportunidade de dirigir os primeiros modelos foi algo muito prazeroso, desde aquela época já era investido uma boa quantidade em dinheiro para que ele tivesse tecnologia de sobra e é assim até hoje.

A versão atual deverá continuar no mercado por mais um ano antes de ser renovado, a empresa sabe que o país está passando por uma grande reformulação para a Copa e por isso ela deve investir em propagandas para atrair mais consumidores.

Avaliação do Toyota Corolla Altis 2.0 2014

Passear com um carro como esse é bom, ele tem espaço interno para abrigar cinco pessoas com muito conforto. Pessoas que gostam de viajar encontrarão um porta-malas com espaço interno grande que comporta uma boa quantidade de bagagens.

Antes de fechar negócio em uma concessionária o consumidor tem a opção de escolher o modelo com câmbio manual ou automático, algo que pouco importa já que o prazer de pilotar é o mesmo em ambos.

Toyota Corolla Altis 2

Para auxiliar o motorista o carro traz botões que controlam a central de mídia no volante, tem piloto automático e controle dos retrovisores, vidros e travas diretamente instalados na porta. As respostas à aceleração são muito rápidas e em poucos metros o carro vai de 0 a 100 km/h sem dificuldades.

Preço do Toyota Corolla Altis 2.0 2014

O carro traz um motor de 2.0 Dual VVT-i¹ de 16 válvulas DOHC² flex, tudo junto traz a eficiência de 153 cavalos de potência e aqueles que preferirem a versão 1.8 conseguirão a potência de 144 cavalos. A parte mais importante talvez seja a economia de combustível que é feita pela injeção eletrônica, ela trabalha para oferecer apenas o necessário ao motor de acordo com a localidade em que o carro se encontra.

Toyota Corolla Altis 2.0 frente

Na tela de LCD disponível no interior do carro com 6.1 polegadas o usuário tem a sua disposição o GPS, tem câmera de ré, acesso Bluetooth e áudio integrados de série. Para cada uma das peças instaladas no interior o carro vem com toda a tecnologia da Toyota, por isso o design também está entre os mais elegantes do mercado. Os preços variam de R$ 60.000,00 a R$ 84.000,00.

Características do Toyota Corolla Altis 2.0 2014

O carro foi feito para se adaptar ao uso de qualquer tipo de pessoa, seja ela uma que procura um esportivo ou alguém que tem em mente um carro de família. Suas rodas largas de 15 polegadas permitem ao usuário ter melhor controle durante a pilotagem, ele consegue controlar o carro em qualquer situação.]

Toyota Corolla Altis 2.0 interno

Os freios ABS ajudam no controle do veículo quando é necessário fazer uma frenagem brusca, caso uma batina não possa ser evitada os airbags entram em ação e protegem principalmente o condutor e o passageiro dianteiro.

O Corolla Altis é um dos modelos mais completos da linha da Toyota e agrada a todos os consumidores.

Quer ver mais sobre o Toyota Corolla Altis 2.0, assista ao vídeo que segue abaixo.

Ford Fusion 2.5 flex

Ford Fusion 2.5

Popularizado já na primeira geração, quando foi lançado após o ano de 2005, a segunda geração do Ford Fusion, lançada a partir de 2009 apenas consolidou aquilo que já começou a fazer enorme sucesso entre os sedãs mais vendidos que existem.

Após começar a adotar o motor 2.5, ante o motor 2.3 da geração anterior, o Ford Fusion inaugurou uma nova era desde então, em que a adoção de novos aspectos e o melhoramento de outros já existentes apenas contribuíram para o crescimento da competitividade do modelo no mercado.

Além do novo motor 2.5, o modelo também está disponível na versão 3.0, que se mostra uma das maiores novidades desta nova geração do Ford Fusion, por diversas vezes se saindo como um dos sedãs mais vendidos do Brasil.

Ficha técnica do Ford Fusion 2.5 flex

Disponível em duas versões motorizadas, o Ford Fusion com motor 2.5 L4 tem potência máxima de até 175 cv a 6.000 rpm e torque de até 24,2 kgf.m a 4.500 rpm, podendo ser abastecido tanto a álcool quanto a gasolina. Abastecido por este último, o Ford Fusion se mostra com um desempenho um pouco inferior, atingindo cerca de até 167 cv e torque máximo de 23,2 kgf.m.

O tanque tem capacidade para até 62 litros de combustível, e o veículo consegue atingir uma velocidade máxima de até 180 km/h. O câmbio é automático e possui seis marchas, com opções de trocas manuais em um botão acoplado à alavanca.

Ford Fusion 2.5 flex frente

Entre os itens de série que mais se destacam estão um sistema de ar-condicionado automático com saída traseira, direção elétrica, tela central de 8 polegadas com sistema de segunda geração Sync com opção para Bluetooth, telefonia e música, e um sistema de airbags frontais e laterais e airbags para joelhos do motorista.

No veículo vem acoplado um computador de bordo mostrando os índices de consumo e autonomia de combustível, freio de estacionamento elétrico, faróis de neblina, revestimento interno em couro e um porta-malas com capacidade para até 520 litros.

As rodas de alumínio de 17 polegadas, somadas aos para-choques na cor do veículo e a todo o acabamento, tanto interno quanto externo, conferem ao modelo luxo e conforto que tanto agradam seus consumidores.

Consumo do Ford Fusion 2.5 flex

Devido aos seus aspectos confortáveis e estonteantes, o Ford Fusion 2.5 tem se destacado no mercado de sedãs, principalmente no Brasil.

Testes realizados com diferentes automóveis mostraram resultados satisfatórios com relação ao Ford Fusion. Seu consumo de combustível, por exemplo, não chega a ser tão elevado, sendo de 7.3 km/l na cidade e de 10.4 km/l na estrada, enquanto a versão 2.3 apresentou  consumo de 7.9 km/l na cidade e 11.1 km/l na estrada.

Ford Fusion 2.5 flex traseira

No entanto, os mesmos testes mostraram inferioridade na aceleração de 0 a 100 km/h em relação à versão 2.3, atingindo tal aceleração em uma média de cerca de 10 segundos, enquanto o 2.0 foi a 100 km saindo do ponto zero em apenas 8 segundos, em média. Apesar disso, o Ford Fusion 2.5 ainda se mantém como uma opção bastante interessante no mercado.

Preço do Ford Fusion 2.5 flex

Com um espaço interno bastante amplo, suficiente para acomodar tranquilamente até 5 passageiros, o Ford Fusion 2.5 não peca no conforto e na sua luxuosidade.

Atualmente, está disponível em diversas concessionárias espalhadas por todo o Brasil a um preço médio de R$ 96.990, isto na já recente versão 2014, com motor flex.

Para quem desejar há ainda um item opcional, o teto solar. Quem quiser adquiri-lo terá que desembolsar até R$ 4.000 do bolso a mais no preço final. Este se mostra o principal item opcional que tem contribuído para a satisfação dos clientes que já adquiriram o modelo, e dele só restam elogios.

Ford Fusion 2.5 flex interna

O preço se ajusta fielmente ao custo x benefício, que se mostra bastante agradável, principalmente para aqueles que almejam conforto, luxuosidade e um design bonito e de boa qualidade.

Os três anos de garantia ao qual o Ford Fusion se encaixa é outro aspecto bastante desafiador, ainda mais quando se existe um seguro barato, saindo por R$ 3.365. A qualidade do automóvel, no entanto, ainda se mantém como o melhor ponto positivo no sedã.

Para saber mais sobre o Ford Fusion 2.5 flex, assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Passat Variant 2014

Volkswagen Passat Variant 2014

O Passat Variant chegou ao Brasil para tentar recuperar alguns dos consumidores que eram fiéis ao modelo Parati, o carro que era derivado do Gol saiu de linha e não vai mais ser produzido deixando um buraco grande nessa categoria.

O primeiro a chegar por aqui para suprir a necessidade foi o Spacefox, o carro mais barato ainda não conseguiu engrenar e não agrada a quem busca o luxo.

O Passat Variant provavelmente não vai ser o mais vendido para consumidores de baixa renda, mas aqueles que procuram algo a mais em um carro com certeza vão gostar do que verão pela frente.

Avaliação do Volkswagen Passat Variant 2014

A Transmissão desse veículo é feita através do câmbio automático de seis velocidades, ele é macio e suas marchas são trocadas suavemente pela dupla embreagem que trabalha lubrificando todo o sistema.

A câmera traseira é um dos itens mais interessantes por poder ser visualizada diretamente na tela do rádio, é perfeito para quem deseja estacionar e não consegue fazer isso tranquilamente olhando pelo retrovisor.

Volkswagen Passat Variant frente

O sensor de fadiga trabalha para notar alternâncias incomuns no volante, ela avisa através de efeitos sonoros que o condutor precisa descansar.

A direção Servotronic traz conforto e conveniência baseado na velocidade em que o carro se encontra, podendo ficar mais firme quando estiver acima dos 130 km/h para evitar acidentes graves.

Preço do Volkswagen Passat Variant 2014

A parte de segurança vai além do que em muitos carros fabricados hoje, por exemplo, as rodas possuem o freio ABS que evitam o travamento em qualquer circunstância.

Se uma roda estiver em patinagem nos dias de chuva o sistema EDL entra em ação, ele desacelera essa roda e distribui a sua tração para as demais equilibrando o veículo e facilitando a pilotagem.

Volkswagen Passat Variant

Outro sistema que é ativado em questão de patinagem é o ASR que reduz a tração do motor, tudo é ajustado de acordo com as condições da pista.

A maior parte dos itens são de série, mas alguns deles precisam ser adquiridos como opcionais, por isso os que quiserem ele seco sem esses itens complementares terão de dispor de R$ 120.560,00 nas concessionárias da Volkswagen.

Ficha técnica do Volkswagen Passat Variant 2014

Sob o capô vem um motor de muita potência 2.0L Tsi de 211 cavalos com precisão nas decisões e que se adéqua a qualquer tipo de condução, a estabilidade proporcionada pelas rodas ajuda o motor a render o máximo podendo ultrapassar a média dos 180 km/hora em poucos metros.

A arrancada é boa e ajuda o carro a ir de 0 a 100 km/h em menos de 10 segundos, número bom para um veículo no estilo perua.

As lanternas traseiras foram feitas com iluminação em LED e facilita a visualização de quem vem atrás, na dianteira os faróis contam com luzes diurnas, luzes de neblina, farol alto e baixo.

Volkswagen Passat Variant interno

Tanto em questão de potência como de dirigibilidade o carro está um passo a frente dos concorrentes, se forem inclusos os itens de série fica ainda melhor.

Aqueles que estiverem interessados podem ir até uma concessionária para fazer um teste, vale a pena conferir pessoalmente.

Para saber mais sobre Volkswagen Passat Variant, assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Saveiro Trooper 2014

Volkswagen Saveiro Trooper 2014

Com a chegada do novo visual a Picape Saveiro ganhou mais admiradores, ela que já era querida nessa categoria passou a ser ainda mais vendida e é uma das lideres no ranking.

Sua maior concorrente é a Strada, a picape da Fiat tem inovado com frequência e recentemente trouxe a edição de três portas para o modelo de cabine estendida.

Para enfrentar a concorrente a Saveiro recebeu os mesmos detalhes técnicos do Gol G6, uma das principais mudanças foi feita no seu farol dianteiro que tem a mesma aparência de todos os demais veículos da marca vendidos no país.

Preço do Volkswagen Saveiro Trooper 2014

A Saveiro foi lançada em três versões para 2014, o modelo de entrada é a Trend que sai por R$ 33.490,00, a versão mais requintada é a Cross que não é negociada por menos de R$ 48.990,00 e para finalizar temos a Trooper com valor sugerido de R$ 43.390,00.

Essa versão é destinada às pessoas que querem um design diferenciado, ele é esportivo e tem os para-choques que possuem a mesma cor da carroceria.

Volkswagen Saveiro Trooper 2014 teste

Por fora ainda vemos a cor preta espalhada por vários pontos, na tampa da caçamba uma faixa foi adicionada com o nome do carro.

Retrovisores, borrachão da porta, maçaneta e friso dos para-lamas são feitos de plástico com a tonalidade preta, já as rodas de liga leve com 15 polegadas são feitas na cor cinza e no modelo “Stuttgart”.

Avaliação do Volkswagen Saveiro Trooper 2014

Assim que o usuário entra na picape sente o acabamento diferenciado que vai desde o teto até as linhas inferiores, a nova aparência do banco é feita com fios reciclados que possuem a mesma textura de linhas comuns e a mesma durabilidade.

As portas são revestidas com o modelo novo de tecido Yves Color Ecofabric, também fabricado através de materiais reciclados, mas o opcional traz o banco de couro.

Volkswagen Saveiro Trooper interior

Durante um passeio o motorista recebe informações sobre o veículo através do novo I-System, um recurso que é oferecido em todas as edições da picape.

No volante os botões permitem que o condutor controle o painel de mídia escolhendo músicas, baixando e aumentando o volume do som sem ter que desviar a atenção da via como ocorre na maior parte dos veículos.

Ficha técnica do Volkswagen Saveiro Trooper 2014

O motor que a Trooper traz é o mesmo utilizado no novo Gol e no novo Voyage, por isso é um EA-111 1.6 litro VHT. É bicombustível e pode ser abastecido com os dois ao mesmo tempo, gerando o máximo de 104 cavalos quando é utilizado apenas o etanol, a transmissão movimenta o veículo com cinco marchas que oferecem pouca resistência ao serem trocadas.

O carro pode receber ajustes elétricos nos retrovisores e assim ganha a função tilt down, ela programa o retrovisor ao lado do passageiro para o chão quando a marcha à ré for acionada.

Ao voltar para a primeira marcha o espelho é reposicionado exatamente onde estava anteriormente, sem a necessidade do usuário utilizar o botão de controle.

Volkswagen Saveiro Trooper 2014 traseira

Essa versão ainda não está confirmada para continuar no mercado, por isso aqueles que desejam comprá-la devem ir rapidamente às concessionárias.

Para saber mais sobre o Volkswagen Saveiro Trooper 2014, assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Polo Hatch 2014 completo

A Volkswagen é a fabricante de compactos mais competente do país, a marca não pensa muito antes de reinventar os modelos dessa categoria. O principal entre eles é o Gol que já está em sua 6ª geração e promete continuar por muitos anos, ele lidera o mercado de carros como o mais vendido.

Em se tratando de compactos luxuosos a empresa tem outras boas opções para os consumidores, entre eles está o Polo, um carro que começou a ser importado para o Brasil nos anos 90 e até hoje continua firme e forte no mercado, mas agora é totalmente produzido por aqui.

Preço do Volkswagen Polo Hatch 2014 completo

Tido como o mais completo da categoria o Polo é um dos raros que mantêm o farol diferente dos demais modelos da Volks, a lanterna traseira também é diferenciada e segue o padrão do modelo anterior.

 

Entre as principais novidades para o Polo estão às suspensões que foram rebaixadas para deixá-lo mais esportivo, o para-choque recebeu novo desenho e cedeu espaços para os refletores na traseira.

O Polo possui 5 edições diferentes, os completos começam no o 1.6 BlueMotion até o 1.6 Sportline i-Motion, os preços partem de R$ 49.530,00 e aumentam de acordo com a qualidade do veículo.

Ficha técnica do Volkswagen Polo Hatch 2014 completo

Sob o capô, o Polo trás um motor de 1.598 cm³ com potência máxima de 101 cavalos com gasolina ou 104 cavalos utilizando etanol, o torque vai de 15,4 com gasolina a 15,6 com etanol. A aceleração faz de 0 a 100 km/h em 11,8 segundos despontando como uma das melhores da categoria.

 

O Polo pode atingir a máxima de 184 km/h quando utiliza o etanol, na hora da frenagem o ABS entra em ação através dos discos ventilados.

Os demais acessórios que completam a ficha técnica do Polo são o ar condicionado digital, o alarme de fábrica, chave em formato canivete, sistema de som e multimídia com leitor mp3 instalado. Tem duplo airbag frontal, faróis de neblina, roda de liga-leve de 15 polegadas, sensor de estacionamento e câmbio manual automatizado.

Avaliação do Volkswagen Polo Hatch 2014 completo

O principal concorrente do Polo no Brasil é o Punto, o veiculo completo da Fiat, está com muitos itens de série e um preço competitivo que pode fazer frente ao carro da Volks. A Chevolet por sua vez traz o Cruze Hatch que está um passo a frente dos concorrentes, mas também possui um preço muito elevado em comparação a eles.

Em movimento o Polo parece muito mais atraente, tem volante com comandos da central de mídia, bancos em couro, vidros elétricos, retrovisores elétricos, controle dos retrovisores elétricos e painel analógico com informações em LED. O espaço interno do Polo é bom e assim como seu coirmão Fox é compacto apenas por fora, porque no interior possui muitas regalias e comporta bem os passageiros na dianteira e no branco traseiro.

Volkswagen Tiguan R-line 2014

Volkswagen Tiguan R-line 2014

Na linha de carros da Volkswagen a letra R é utilizada para distinguir os modelos esportivos dos comuns, alguns dos que são feitos na Alemanha como o Scirocco tem 265 cavalos e é um dos mais potentes. Quando falamos em R-Line não deixa de ser um esportivo, mas é um veículo que recebe um visual diferenciado no interior e no exterior.

O qual tem essa sigla no Brasil atualmente é o Tiguan, o SUV, que já estão disponíveis nas concessionárias, a empresa deseja aumentar as vendas desse carro para poder inová-lo no ano que vem, trazendo ainda mais itens de série e conforto para os consumidores.

Ficha técnica do Volkswagen Tiguan R-line 2014

De acordo com as notas da empresa o carro continua com o mesmo motor 2.0 turbo, isso está longe de ser um problema, até porque os seus 200 cavalos de potência surpreendem dando força em qualquer tipo de situação. Tem direção hidráulica, trio elétrico, opção de câmbio automático, painel com central multimídia, sistema de avisos sobre o veículo no painel e seis entradas de ar para climatizar o interior da maneira que o condutor desejar.

Volkswagen Tiguan R-line interior

Muito couro é encontrado no interior, por exemplo, os bancos são recobertos com o material, assim como volante, painel e detalhe das portas. A combinação de preto com prata deu um charme novo ao carro e os porta-objetos, permitem mais conforto quando o condutor e os passageiros estiverem realizando longas viagens.

Preço do Volkswagen Tiguan R-line 2014

O Kit exterior conta com rodas de aro 18 para-choques exclusivos e aerofólios instalados, com isso é oferecido aos consumidores por R$ 114.770,00. Aqueles que preferem o pacote completo com ajustes eletrônicos no banco do motorista, grade frontal, volante com paddle-shifts e pedais em alumínio terão de desembolsar um pouco mais para isso, pagando cerca de 126.169,00.

Volkswagen Tiguan R-line a venda

Os preços estão bons, principalmente porque os principais concorrentes estão com valores elevados, entre eles está o BMW X1 xDrive 28i oferecido por 129.950,00 ou o Audi Q3Attraction com preço ainda maior de 149.900,00.

Avaliação do Volkswagen Tiguan R-line 2014

O carro apresenta uma ótima suspensão que vem mais baixa e mesmo assim continua absorvendo bem os impactos, muitos detalhes de ótica foram usados para que o carro pareça mais próximo do chão, por isso os para-choques foram pintados de preto e também as bordas do para-lama. A acústica do interior está mais completa e oferece silêncio total para viagens menos cansativas, as rodas de liga agora são cromadas e receberam pneus maiores.

Traseira do Volkswagen Tiguan R-line 2014

Acelerar ao máximo não vai causar nenhum tipo de tremulação no interior do carro, o motor passou pelos mais rigorosos testes que podem ser feitos e desde que a manutenção seja acompanhada corretamente ele vai continuar funcionando como um relógio. O pacote completo traz bancos personalizados com a letra R, os encostos de cabeça ficam posicionados a frente para o condutor e o passageiro se sentirem a vontade.

Não é preciso um teste muito longo para gostar do que se vê no Tiguan, já que representa tudo o que sua ficha técnica diz com perfeição.

Confira um vídeo do Youtube com detalhes do Volkswagen Tiguan R-line 2014.

Citroën C3 Picasso 1.6 glx 2014

Citroën C3 Picasso 1.6 glx 2014

Assim como a Hyundai, a Citroën quer voltar a ser uma das marcas mais queridas no país, para alcançar os seus objetivos resolveu investir na criação de novos carros para o mercado nacional.

As mudanças são leves, mas certamente já estão fazendo efeito, tanto que em um passeio pelo centro das grandes cidades é possível perceber uma vasta quantidade de modelos da marca rodando.

Quem recebeu uma nova linha para este ano é o Citroën C3 Picasso que está ainda mais tecnológico e bonito, são cinco edições com configurações diferentes para os consumidores escolherem e você poderá conhecê-los agora mesmo.

Ficha técnica do Citroën C3 Picasso 1.6 GLX 2014

A principal das novidades fica por conta dos motores, tem o de 1.5i Flex que gera até 93 cavalos de potência e 14,2 kgfm de torque. Outra opção é o motor de 1.6 de 16V que produz a média de 122 cavalos utilizando etanol, o torque também subiu nesse modelo passando de 15,5 para 16,4 kgfm.

Citroën C3 Picasso 1.6 painel

As transmissões continuam sendo feitas através do câmbio manual de 5 marchas, ou do automático de 4 marchas.

Na parte exterior o modelo está com as mesmas entradas de ar que permitem uma maior refrigeração do motor, em todas as versões ele aquece pouco e pode continuar sempre em seu limite para rodar na cidade ou nas rodovias.

Preço do Citroën C3 Picasso 1.6 GLX 2014

Cada um dos modelos disponíveis tem seu próprio preço, o mais barato deles é a edição de entrada GL que tem preço sugerido de R$ 45.600,00, o modelo 1.5 GLX custa R$ 48.500,00 e o GLX 1.6 16V foi confirmado com câmbio automático por R$ 53.500,00.

Ainda tem o modelo que mais trás itens exclusivos que é o 1.6 Exclusive de R$ 58.900,00 e o Exclusive automático de 1.6 por R$ 58.900,00.

Citroën C3 Picasso 1.6 traseira

As novidades na parte de fora são notadas nas novas rodas de liga e o novo tom de vermelho que cobre a carroceria, na parte interior o painel de instrumentos com fundo branco e os plásticos que foram instalados nas portas e console são as novidades.

Apesar de simples essas mudanças já resultaram em um ótimo número de interessados nas concessionárias, visto que as vendas cresceram atualmente.

Avaliação do Citroën C3 Picasso 1.6 GLX 2014

O estilo compacto transformou em um verdadeiro carro que oferece prazer ao condutor, nota-se que o vidro dianteiro recebeu mais duas abas nas laterais para se tornar panorâmico.

O assento com regulagem de altura favorece para pessoas de todos os tamanhos o conduzirem, vale citar o seu painel baixo que da maior visibilidade do caminho.

As trocas de marchas são suaves e o carro sai pouco nas curvas, a tração dianteira permite retomada de velocidade rápida que aumenta o desempenho, principalmente na hora de uma ultrapassagem.

Citroën C3 Picasso 1.6 Teste

Com o câmbio automático o condutor se sente a vontade para acelerar e frear, nessas versões o carro já vem com ABS e com Airbags como itens de série.

Já disponível nas concessionárias a marca pretende renovar esse veículo nos próximos meses, aumentando anda mais o rendimento e a qualidade.

Assista ao vídeo abaixo e veja mais sobre o Citroën C3 Picasso 2014.

Volkswagen Spacefox 1.6 2014

Comprar um carro Volkswagen atualmente é muito fácil, o principal dos fatores é que as concessionárias estão presentes em todas as regiões brasileiras. Em cada uma delas existem garantias estendidas e formas de pagamento muito interessantes, por exemplo, aqueles que desejam financiar podem fazer isso diretamente no banco da marca, ou podem pagar o consórcio com mensalidades baixas.

Um veículo que tem alegrado muito aos consumidores é o SpaceFox, ele vem completo de fábrica e sai com todos os itens de série inclusos. Você terá a oportunidade de conhecer em primeira mão as suas principais características, vale à pena conferir antes de fechar negócio em um Spacefox novinho.

Preço do Volkswagen Spacefox 1.6 2014

Como a Volkswagen planejou todos os seus veículos para que ficassem com a aparência idêntica, o Fox e o SpaceFox continuam com o mesmo conjunto no exterior.

spacefox de costas

Em uma rápida olhada nota-se que o Spacefox é compacto lateralmente e que o teto é elevado, o que deixa o interior mais espaçoso causando um bom impacto nos consumidores.

O Spacefox já sai de fábrica pronto para rodar nas cidades, rodovias ou em estradas de terra que exigem mais força do motor. Os itens de série são os responsáveis pelo bom rendimento em todos os ambientes, por isso o modelo Trend é oferecido por R$ 44.990,00 substituindo a antiga Parati que tinha um preço parecido e praticamente os mesmos acessórios instalados.

Ficha técnica do Volkswagen Spacefox 1.6 2014

Internamente o usuário poderá se beneficiar dos itens que são disponibilizados nesta versão do Spacefox, dentre eles encontram-se o airbag duplo na parte dianteira, freios ABS, direção hidráulica, ar condicionado, vidros e travas elétricas, bancos reclináveis e um porta-malas com espaço para muitas bagagens mostrando que ele é um carro feito para família.

O motor Flex consegue atingir a velocidade máxima de 179 km/h utilizando gasolina e até 181 km/h com etanol, o responsável por este número é o torque de 15,4. Os freios dianteiros são formados por dois discos ventilados, na traseira a tambor.

O Spacefox consegue levar tranquilamente a carga útil de 475 kg tornando-se um veículo bom para quem trabalha com produtos e precisa fazer entregas.
Avaliação do Volkswagen Spacefox 1.6 2014

O estilo perua é o que mais chama a atenção noSpacefox, ao sentar-se frente ao volante o usuário fica superior ao painel e tem ampla visão de todo o caminho que está a sua frente. A regulagem de altura no banco permite que pessoas de qualquer tamanho se sintam bem para conduzir, e sem a necessidade de se locomover o condutor pode regular os retrovisores através do botão que fica na porta. Reforçado na segurança e na beleza os pneus mais largos com as rodas de liga-leve permitem que o carro tenha melhor aerodinâmica, tanto na cidade quanto em perímetros rodoviários o rendimento será o mesmo surpreendendo aqueles que gostam de um carro que seja completo em todos os detalhes possíveis.

Atualmente o modelo está com uma boa promoção e os consumidores que derem até 54% de entrada poderão pagar o restante em 24 parcelas sem juros.

Para mais informações a respeito do Volkswagen Spacefox assista ao vídeo e veja a avaliação com opcionais de série e os valores sugeridos.

Peugeot Boxer Furgão 2.3

Peugeot Boxer 2.3 Frontal

Um veículo utilitário pode fazer uma grande diferença na vida de muitas pessoas, ele pode se tornar um carro diferenciado e com funções muito importantes para quem o utiliza para trabalho.

Existem diversos tipos de utilitários e os mais famosos são aqueles que servem como um furgão, nele pode-se levar passageiros ou cargas dependendo da forma com que é feito.

A Peugeot tem um modelo que já está no mercado há alguns anos e continua com a mesma pegada desde que foi lançado, em 2013 ele chegou com algumas renovações e de acordo com a marca elas devem influenciar diretamente no consumo de combustível e também na emissão de gases poluentes.

Ficha técnica do Peugeot Boxer Furgão 2.3

A empresa desenvolveu um motor novo para poder ir de acordo com a resolução nº 415 do CONAMA, ela estabelece limites novos para a emissão de gases e materiais particulados que são expelidos pelo escapamento.

Com isso o motor passa a ter 127 cavalos de potência a 3.600 rpm e torque de 32,6 kgfm a 1.800 rpm, a força ainda é a mesma tornando o utilitário perfeito para realizar um bom trabalho.

Peugeot Boxer 2.3 desempenho

No interior, o veículo trás um painel com fundo preto e elementos iluminados em vermelho, oferece conta-giros analógicos, hodômetro total, relógio digital, marcador de pressão do óleo, temperatura, aviso de farol alto e setas.

A vocação para o trabalho também foi realçada no interior, tem uma prancheta com presilha para colocar papel que fica localizada na parte central do painel, item que facilita a vida do usuário que deseja consultar mapas, notas ou qualquer outro documento.

Peugeot Boxer Furgão 2.3 refrigerada

A principal linha do utilitário vem com espaço para passageiros e é perfeito para quem deseja realizar viagens, ou buscar e levar pessoas para deixá-las em uma empresa.

Ela tem ar-condicionado, vidros em todos os bancos, espaço para diversas pessoas e uma porta lateral para todos acessarem o veículo. Todos os bancos são aconchegantes e dão conforto para todos os passageiros, sem contar que a refrigeração funciona bem.

Peugeot Boxer 2.3

A versão furgão não conta com muitos itens especiais no interior, somente a cabine é refrigerada e o restante é mantido em temperatura ambiente e serve para quem trabalha com mercadorias e qualquer outro produto que necessite de um bom espaço para ser levado.

No furgão os vidros são substituídos pelas latarias, e essa é ainda uma forma de proteger os produtos de furtos.

Preço do Peugeot Boxer Furgão 2.3

Os demais itens que complementam esse veículo são porta-copo, porta objetos, compartimento nas portas, tacógrafo digital, bancos dianteiros bipartidos que acomodam três passageiros.

A suspensão dianteira é independente e absorve os impactos mais duros do dia a dia, os freios a disco estão disponíveis nas quatro rodas e todos eles são ventilados.

Peugeot Boxer 2.3 Lateral

A tabela varia bastante de acordo com as várias versões que ele possui, a mais barata delas é a de R$ 77.390,00 que é curto, a de médio valore de teto elevado que sai por R$ 84.590,00, e a mais cara delas é a LH 2.3 com teto elevado e vidrado oferecido por R$ 87.990,00.

Os preços condizem com o custo vs. benefício desse veículo que se mostra alto, com certeza esse utilitário pode valer a pena para qualquer pessoa.

Para saber mais sobre o Peugeot Boxer Furgão 2.3, assista ao vídeo que segue abaixo.

Chevrolet Classic 2014 preço

Classic 2014

Durante alguns anos o Classic foi considerado o principal sedã vendido no mundo, venceu o prêmio de melhor da categoria algumas vezes e raramente teve o seu estilo alterado. A primeira versão a surgir chamava-se Corsa sedã, ele seguia o mesmo estilo de produção da versão Hatch, Wagon e Pic Up.

Aos poucos a marca viu a necessidade de passar a chamá-lo de Classic e diferenciá-lo de seus coirmãos, a estratégia deu certo e por mais alguns anos ele continuou como um dos mais comercializados.

Aos poucos as vendas foram diminuindo e eis que a marca lançou uma nova geração, ela não deu certo e resolveu-se que outra geração seria lançada para se parecer com o modelo do passado, mas com uma pitada de novidades.

Chevrolet Classic 2014 é bom?

A versão 2014 acaba de chegar ao mercado e continua com a mesma aparência da versão 2013, as mudanças são pequenas e os interessados vão encontrar duas opções de cores para o exterior na tonalidade azul Macau e cinza Mond, enquanto no interior as principais novidades estão nos vidros dianteiros que receberam sensor “antiesmagamento”.

Classic 2014 Desempenho

Ele detecta um corpo estranho no caminho e é travado para proteger a integridade física dos usuários.

O carro continua com a mesma pegada de suas versões anteriores, ele foi construído para oferecer mais eficiência do que prazer quando conduzido.

Sua estrutura é leve o que permite a ele rodar com boa velocidade mesmo com o motor 1.0, em estradas pode atingir a velocidade máxima mesmo com todos os assentos ocupados, o tornando um dos mais velozes da categoria.

Ficha técnica do Chevrolet Classic 2014

Desde Janeiro que o Classic está de volante novo que vem equipado com o sistema de airbags instalado, como opcional é possível incluir o novíssimo sistema ABS nos freios item ao qual ainda não havia sido instalado, com eles além de ter ficado mais bonito está mais seguro.

Classic 2014 Interior

O motor não sofreu mudanças e continua com os mesmos números do 2013, com um motor 1.0 VHCE flex que produz 77 cavalos utilizando gasolina e 78 cavalos de potência utilizando etanol. O torque máximo é de 9,5 com gasolina e 9,7 kgfm com etanol, números expressivos para um veículo com motor pequeno e que não passou por modificações.

Teste do Chevrolet Classic 2014

A marca deseja comercializar a maior quantidade possível do Classic nos próximos meses por isso ele já está disponível as concessionárias, trás com ele dois preços.

O mais barato sai por R$ 26.790,00 e o que possui sistema de vidros eletrônicos é oferecido por R$ 31.690 fazendo com que muitos optem pelo mais barato por acharem desnecessário uma tecnologia como essa.

Os mais desconfiados poderão fazer testes para conhecer melhor o carro, e em um teste drive nada melhor do que analisar todos os pontos do veículo abrindo o porta-malas, tampa do motor, acelerando e testando o câmbio.

Classic 2014 Traseira

Se os resultados forem de seu gosto poderá ter um veículo com a cara do modelo do passado e com um motor atual, que o fortalece para mais alguns anos.

Apesar de mudanças simples o Classic continua como uma boa opção para os consumidores, tem preço acessível e qualidade em seus componentes.

Quer saber mais sobre o Classic? Assista ao vídeo que segue abaixo.

Volkswagen Saveiro Cross 2014

Saveiros Cross

O Gol G5 foi remodelado e recebeu a linha de faróis novos da Volkswagen, quando isso ocorreu muita gente ficou ansiosa esperando para ver como a nova Saveiro iria ficar. Pois bem, a picape também recebeu as mesmas mudanças e 9 meses depois chegou ao Brasil para tentar manter seus bons números de vendas.

A chegada tardia ao país foi planejada pela marca que abusou de uma estratégia de marketing, sendo assim, ela chegaria em um período onde o impacto de seu lançamento seria maior do que se tivesse sido apresentada junto com o modelo compacto.

Ficha técnica do Volkswagen Saveiro Cross 2014

Com as novidades concentradas principalmente na aparência, o motor continua praticamente o mesmo da geração 5, por isso vem na dianteira em formato transversal com 4 cilindros e 8 válvulas. São 1598 cilindradas que geram 104 cavalos de potência a 5.250 rpm, no torque os números são de 15,6 kgfm a 2.500 rpm.

O câmbio é um manual de 5 marchas com trocas suaves sem socos e sem oferecer resistência, juntamente do motor esse item tem de oferecer força para carregar os 1.130 kg dessa picape. Tem freio ABS, airbags duplos, direção hidráulica com coluna ajustável, faróis de longo alcance, botões no volante para comando de som, sensores de estacionamento e protetor de caçamba.

Lateral da Saveiro Cross

Características do Volkswagen Saveiro Cross 2014

A aparência é a principal novidade do veículo que recebeu diversos novos componentes de plástico, na dianteira, por exemplo, tem a parte de baixo do para-choque toda feita com esse material, assim como as bordas dos para-lamas e borrachão das portas. Esses materiais foram usados por serem mais baratos e como ela é feita para rodar em terrenos acidentados pode sofrer vários trancos no local, e se for necessário trocar uma das partes o usuário vai gastar pouco.

Apesar de ser um motor potente, a entrada de ar na dianteira pouco demonstra isso, somente a parte inferior do para-choque tem um tamanho bom para resfriar os discos do freio e o radiador. O banco com regulagem de altura permite ao condutor ter ampla visão através do para-brisa, melhorando um ponto importante que recebia muitas reclamações.

Painel da Saveiro Cross

Preço do Volkswagen Saveiro Cross 2014

Na parte interna do veículo, a central de processamento foi melhorada recebendo mais memória, seu sistema ficou mais rápido e oferece respostas mais rápidas, além de ter sido integrada a outros componentes. O painel do rádio transmite em tempo real a distância entre o para-choque da saveiro e o do veículo que está atrás, e os limpadores de vidro eletrônicos aumentam o ritmo de limpeza de acordo com a velocidade do carro.

Com tudo o que tem a oferecer o preço continua salgado saindo da concessionária por R$ 48.990,00, são poucas pessoas que terão a coragem de investir alto em uma picape que não tem cabine estendida. Por isso, a Volkswagen trouxe outras duas versões para os consumidores, a Trend e a Trooper que contam com menos itens de série.

Traseira da Saveiro Cross

As mudanças como notamos ficaram mais no exterior do que no motor, mas ela continua bonita e com motor potente para qualquer situação.

Para mais informações sobre a Saveiro Cross 2014 da Volkswagen assista o vídeo abaixo:

Chevrolet Captiva sport 3.6

Chevrolet Captiva sport

Em se tratando da Chevrolet durante muito tempo somente a Blazer fez parte do seguimento utilitário esportivo no Brasil, o problema é que nas versões do passado a caminhonete serviu principalmente para missões policiais e poucas pessoas investiram nela. Apesar de parecer conformada com isso, a Chevrolet repensou e trouxe outro utilitário ao país, desde então os consumidores têm gostado do que veem.

O nome do utilitário que vem fazendo sucesso nos últimos anos é Captiva, o modelo recebeu uma aparência totalmente modificada com relação a Blazer, mas não veio para substituir e sim para ser uma saída para aqueles que não desejam ter o modelo antigo.

Chevrolet Captiva Sport 3.6 V6 4×4

Os pontos mais interessantes nas características dessa caminhonete são os seus toques refinados na aparência exterior, de certa forma ela ficou compacta se olhada por fora e não parece que no interior há o espaço que é descrito na ficha técnica. Contudo a entrada de ar na dianteira mostra que o veículo tem um motor potente e isso chama a atenção por onde passa.

No interior traz um acabamento moderno e que lembra muito o de um carro, tem bancos largos e com espumas especiais e descanso para o pé esquerdo do condutor. Possui apenas freio e acelerador já que o câmbio é automático, muitos acessórios foram instalados para dar mais conforto aos passageiros como o porta-copos que fica na parte central.

Chevrolet Captiva

Consumo da Chevrolet Captiva Sport 3.6 V6 4×4

Uma das coisas que poucas pessoas sabem é que o motor dessa caminhonete é o mesmo utilizado no Omega australiano, ele é vendido por aqui há alguns anos por isso quem já teve oportunidade de conduzi-lo não vai sentir muita diferença na velocidade. Segundo dados da marca a caminhonete que é mais pesada do que o carro tem a possibilidade de atingir a média de 229 km/h, superando as concorrentes em alguns centésimos.

Por produzir tanta potência é normal que o consumo de combustível seja alto, por isso, ela fica no mesmo patamar das concorrentes, como a Tucson 2.7. A média é de 6,5 km/litro em perímetros urbanos e 9,2 km/litro em trechos rodoviários. O principal responsável por esses números é o cambio automático, ele também possui a função de trocas manuais de acordo com a vontade do usuário.

Captiva

Ficha técnica da Chevrolet Captiva Sport 3.6 V6 4×4

A Captiva traz um motor de 3.6 V6 24V 4×4, ele é gerador de 261 cavalos de potência e praticamente tudo é controlado através de pontos eletrônicos. As informações são levadas ao condutor através do monitor que fica instalado no painel, sendo assim, o piloto fica sabendo de tudo o que acontece no carro e como ele está se comportando.

A ficha técnica ainda traz rodas de liga leve instaladas para dar mais estabilidade ao veículo e superar os principais desafios do dia a dia, se usada na pista, ela oferece pouca vibração. Tem direção hidráulica, 6 airbags, freios ABS e discos ventilados na dianteira e traseira, itens que colocam o utilitário um degrau acima dos concorrentes.

Painel do Chevrolet Captiva

A Captiva continua à venda nas maiores concessionárias da Chevrolet, em algumas existem promoções e o preço pode estar abaixo dos R$92.990 reais que é o valor sugerido.

No vídeo abaixo você confere mais informações sobre o Chevrolet Capitiva sport 3.6:

Fiat Linea 2014 automático

Fiat Linea 2014

O Linea está no mercado brasileiro há alguns anos e desde que chegou surpreendeu aos consumidores com os seus atributos, ele se encaixou em uma parte do mercado em que a Fiat não tinha nenhum veículo para concorrer. O sucesso foi imediato tanto que hoje, o Linea é tido como um dos grandes negócios nessa categoria, enfrentando adversários como Cruze e o Civic.

A versão 2014 está renovada em alguns aspectos e em outros foi mantido igual o da versão anterior, a lista de conteúdos aumentou, e o Linea chega ao mercado brasileiro em 2014 oferecendo mais conforto e segurança aos consumidores.

Avaliação do Fiat Linea 2014 automático

Em um rápido teste o usuário que já conhecia o antigo Linea vai sentir poucas diferenças, a começar pela Blue&Me Nav que permite utilizar a voz para atender chamadas de telefone ou trocar as músicas do rádio e ainda ativar a navegação do GPS. No volante o comando de áudio é o principal ponto a ser levado em consideração, além de o revestimento interno ser em couro.

O passeio se torna mais confortável com o sistema de ar-condicionado automático, o qual se ajusta ao clima para manter uma temperatura sempre agradável. Os espelhos retrovisores podem ser controlados no interior através de seus respectivos botões, os sensores de chuva avisam no painel quando uma tempestade se aproxima, possibilitando uma parada do condutor para evitar acidentes.

Traseira do Fiat Linea 2014

Ficha técnica do Fiat Linea 2014 automático

No motor nada de mudanças, o carro sairá de fábrica com o motor de 1.8 16V flex de 132 cavalos, nas duas versões o motor é o mesmo, a diferença é que no Essence o consumidor tem que pagar um pouco a mais para ter o câmbio automático. Item que é de série na versão Absolute que sai da concessionária pelo preço sugerido R$ 63.000,00.

Ainda não existem informações concretas, mas o desejo da Fiat é fazer mudanças na aparência do veículo nos próximos anos, por isso podemos esperar novidades no design nas próximas versões do Linea.

Provavelmente o motor também será renovado e receberá mais potência, se isso ocorrer o valor inicial pode subir de acordo com os itens que forem agregados.

Painel do Fiat Linea 2014

Preço do Fiat Linea 2014 automático

Mesmo com as mudanças feitas no Linea, o preço inicial foi mantido para que os consumidores continuem atraídos pelo carro, o valor sugerido pela montadora desde o ano passado é de R$ 53.100,00, e a maior novidade fica por conta de um sistema antifurto instalado nas rodas do Fiat Linea modelo 2014, essa é uma maneira de travar o veículo para que ele não seja levado sem as chaves certas.

A Fiat tenta continuar crescendo nessa área para dominar a posição que até o momento é da Toyota com o Corolla, veículo esse que por sinal está entre os mais vendidos do mundo, e a Fiat ocupa a segunda posição no ranking geral, atrás do Ford Focus. Pode ser que o Linea não seja o mais vendido do mundo, mas provavelmente ele pode ocupar a primeira posição entre os sedãs mais vendidos no Brasil.

Aqueles que quiserem a versão 2014 já podem ir até uma das concessionárias para fazer o investimento, mas ainda existe a possibilidade de o modelo 2013 estar à venda, por isso os valores desses poderão ser reduzidos até que não haja estoque da versão anterior.

 

Chevrolet Celta 2014 preço

Chevrolet Celta 2014 vermelho

A Chevrolet é uma marca que tem trabalhado em prol da melhor qualidade dos seus veículos aos seus consumidores, praticamente todos os automóveis produzidos passaram por alguma mudança nos últimos meses e tornaram-se ótimas opções no mercado nacional. A maior parte das propagandas denomina a marca como a “Nova Chevrolet”, graças a todo o investimento feito no ano passado.

Entre os veículos da Chevrolet que menos sofreram mudanças está o Celta, apesar de não ser líder em vendas em sua categoria, recebeu melhorias em alguns de seus detalhes. Independente dos resultados, o lado bom é que esse veículo continua sendo uma boa opção para aqueles que desejam um carro pequeno e com qualidade.

Interior do Chevrolet Celta 2014

As principais mudanças no carro ocorreram em seu interior, a começar pelos botões de ar que foram aprimorados, ficou mais fácil de controlar e escolher as opções adequadas para cada tipo de situação. A fiação do som automotivo vem pronta para que não seja necessário remover carpetes e borrachas para passar esses itens, mantendo a garantia de alguns dos pontos mais importantes do veículo.

Quem também recebeu melhorias no interior foi o porta-objeto central, além de mais espaçoso, também passou a ter local apropriado para guardar até dois copos de uma só vez. Apesar de ser um veículo popular ficou muito mais seguro com o acréscimo dos airbags na dianteira, motorista e passageiro passam a ficar mais seguros com esse item instalado.

Interior do Chevrolet Celta 2014

Ficha técnica do Chevrolet Celta 2014

Apesar de algumas renovações o veículo continua com o motor de 1.0 VHC-E de 78 cavalos com etanol, ele produz 9,3 kgfm de torque e pode chegar à velocidade máxima rapidamente nas pistas. Para conter o veículo, o Celta passou a sair de fábrica com os freios ABS instalados, isso na versão LT, mas a partir de 2015 todos eles deverão contar com esse sistema já que é uma norma que deve ser seguida por todas as fabricantes de carros.

Os bancos traseiros receberam encostos para a cabeça e novos tecidos e cores, tudo foi feito para dar mais conforto e melhorar o acabamento do veículo. No porta-malas são 260 litros disponíveis para o usuário levar suas bagagens, se os bancos forem deitados esse número aumenta para quase 500 litros.

Traseira do Chevrolet Celta

Chevrolet Celta 2014 completo

O modelo completo sai de fábrica com ar-condicionado, direção hidráulica, rádio instalado, ABS e airbag. Por conta disso o preço é um pouco elevado, mas os valores se iniciam em R$ 27.490,00 nas concessionárias, podendo variar de acordo com a região onde o consumidor more.

As rodas que saem das lojas são de aço com pneus radiais e sobre elas vêm as novas calotas integrais de seis raios, item indispensável para quem deseja ter um veículo com aparência moderna sem a necessidade de gastar mais para ter rodas de liga leve.

Chevrolet Celta branco

Apesar de a aparência não ter sido mudada no exterior, o Celta está pronto para enfrentar os concorrentes, está requintado no interior e é uma ótima opção para quem deseja pagar pouco por um carro zero quilometro.

Confira uma galeria de fotos do novo Chevrolet Celta 2014 no vídeo abaixo:

Fiat 500 automático 2014

Fiat 500 vermelho

Para a Fiat, o Fiat 500 é considerado o carro mais importante, o motivo é que ele é comercializado em todo o mundo e praticamente todos os mercados o aceitam muito bem. O veículo tem grande desempenho, design inovador, tecnologia, segurança e personalidade o que o transforma em um dos carros mais desejados do mundo.

No modelo 2014, o Fiat 500 recebeu algumas mudanças que o tornaram ainda mais especial para os consumidores, tratam-se de detalhes que aprimoraram o motor tanto na versão Sport Air, quanto na versão Cabrio.

Preço do Fiat 500 automático 2014

O principal destaque desse veículo sempre foi o seu tamanho compacto, apesar de oferecer espaço para cinco pessoas no interior, ele é um dos menores veículos que a Fiat dispõe no mercado. Na dianteira, um ponto chama a atenção, além dos faróis convencionais ele também conta com duas lanternas de milha na parte superior do para-choque e também duas na grade do para-choque melhorando a visibilidade noturna.

A versão Cult com motor 1.4 8V sai da concessionária por R$ 43.050,00, o modelo Cult Dualogic 1.4 8V por sua vez custa R$ 46.150,00. O preço sugerido do Sport Air 1.4 de 16V é de 50.130,00, com o câmbio automático custa R$ 54.220,00 e o mais completo é o Cabrio Automático 1.4 16V pelo preço de R$ 62.290,00.

Fiat 500 prata

Avaliação do Fiat 500 automático 2014

Assim que acelerado o Fiat 500, nota-se que o motor não vibra tanto e que o ronco é bem suave, a parte responsável por isso é a Eco: Drive. Esse sistema melhora a eficácia da condução diminuindo a quantidade de CO² lançada na atmosfera, por isso, em todos os mercados o carro já está adaptado. Com o câmbio manual é possível sentir levemente as trocas de marcha, já no sistema automático o passeio é suave.

O Cabrio tem a possibilidade de rodar com teto abaixado por ser conversível, em um dia sem chuva dá para todos os passageiros curtirem uma viagem confortável e praticamente ao ar livre com esse carro. Sem dúvidas esse é um dos modelos mais seguros que a marca já produziu, ele tem freios ABS, airbag, controle de tração e sensores de estacionamento que tornam o passeio mais seguro e as paradas sem riscos de acidentes.

Traseira do Fiat 500

Ficha técnica do Fiat 500 automático 2014

O motor de todas as versões é formado por 4 cilindros em linha em uma posição transversal, tem taxa de compressão de 11,7:1 e 1.368 cilindradas. Números que são sentidos na aceleração que produz 105 cavalos quando abastecido com gasolina, e 107 cavalos quando é abastecido com etanol, os números de torque vão de 13,6 com gasolina, e a 13,8 com etanol.

Tudo isso é controlado pelo sistema de injeção eletrônica Magneti Marelli, um dos motivos da boa economia desse carro. Dentre os itens de série estão o controle de tração, porta-cabide, antena, apoios de cabeça, ar condicionado, banco com regulagem de altura e alertas de limite de velocidade.

Interior do Fiat 500

Apesar de pequeno o Fiat 500 é um veículo que corresponde as expectativas dos consumidores com precisão e bom preço, os interessados poderão fazer teste drive em qualquer concessionária no mercado brasileiro.

Veja mais informações sobre o Fiat 500 versão 2014 no vídeo abaixo:

Honda Fit Twist 1.5

Honda Fit vermelho

Desde o ano de 2001, a fabricante de automóveis Honda tem desenvolvido uma linha de monovolumes compactos que, no Brasil, quando chegou em 2003, se tornou o carro mais vendido da Honda no país, o Honda Fit, também conhecido em alguns lugares pelo nome “Jazz”.

Atualmente, a versão Twist 1.5 é uma das que mais se destacam na categoria. Com um motor flex, movido tanto a álcool quanto a gasolina e com uma potência satisfatória para uma minivan, os preços se ajustam a sua estrutura bem equipada e sofisticada, se fixando como um carro ideal para a família, em que o espaço interno é um dos exemplos que mais chamam a atenção dos consumidores.

Ficha técnica do Honda Fit Twist 1.5

O Honda Fit é equipado internamente com ar-condicionado frio e quente, painel com acabamento de luxo revestido a alumínio com computador de bordo multifuncional cuja tela é sensível ao toque, iluminação interna individual, sistema de áudio com seis alto-falantes e regulagem de altura para o banco do motorista, além de bancos traseiros reclináveis.

O Fit Twist 1.5 possui um motor SOHC 16 V i-VTEC, que gera potência máxima de até 116 cv a 6.000 rpm, com torque máximo de 15 kgfm a 5.000 rpm e transmissão manual de 5 velocidades, possuindo opção automática também de 5 velocidades. As rodas, de liga leve, possuem aros de até 16 polegadas e um porta-malas com capacidade de até 385 litros de volume.

Além desses itens de série, há também vidros traseiros com desembaçadores, airbags para reforçar a segurança do automóvel. Tudo isso reforça o modelo Twist 1.5 como um dos melhores para quem pretende viajar com a família, deliciando-se com as características confortáveis e sofisticadas do automóvel.

Interior do Honda Fit

Preço do Honda Fit Twist 1.5

O novo Honda Fit Twist 1.5 versão 2014 foi lançado sob um preço sugerido de R$ 57.900. A versão automática do mesmo modelo está saindo por um preço em torno de R$ 60.900.

Outros modelos da linha Fit saem por uma faixa de preços que variam em torno de R$ 47.000 a R$ 63.000, como o Fit DX 1.4 (R$ 47.930), o Fit CX 1.4 (R$ 49.900) e o Fit EX 1.5 automático (R$ 62.990), preços diferentes correspondentes a suas respectivas versões e características.

O Fit Twist 1.5 2014, contudo, vem conquistando seus consumidores pela sua agradável sofisticação e conforto, além de sua leve dose aventureira e esportiva conferida ao design moderno e que se identifica com a família.

Honda Fit

Avaliação do Honda Fit Twist 1.5

Com relação ao seu desempenho, o Twist 1.5 pode alcançar uma velocidade máxima de até 175 km/h, sendo que sua aceleração de 0 a 100 km/h ocorre em cerca de satisfatórios 14 segundos, apesar de ser uma minivan equipada a quase 1.200 kg. Já seu consumo se mostra um ponto negativo, fazendo cerca de 8 km/l em média movido a álcool e 11 km/l movido a gasolina.

Agrada também a leveza com que se pode dirigir um Twist 1.5, devido à sua direção elétrica somada ao conforto do câmbio automático de 5 velocidades, enquanto algumas novidades como o novo revestimento dos bancos e a impermeabilidade do porta-malas são outros fatores que despertam bastante o interesse dos consumidores em adquirir um modelo como esse na garagem.

Traseira do Honda Fit

O Honda Fit Twist 1.5 tem agradado de um modo geral, mesmo não apresentando tantas novidades assim em sua versão 2014 e continuando com um consumo pouco econômico. Algumas mudanças surgidas, no entanto, são mais que bem-vindas.

Toyota Corolla Altis 2.0

Corolla Altis

A Toyota, que há 80 anos, desde sua fundação em 1933, tem se mantido como a líder mundial na fabricação de automóveis, continua até os dias de hoje como uma das marcas mais fortes no ramo automobilístico e um nome de peso quando o assunto é carros.

A partir de 1966, a Toyota passou a produzir uma linha de automóveis chamada de “Corolla”, e desde seu lançamento, há quase 50 anos, o modelo Corolla continua sendo um grande destaque no mercado e uma ótima opção para quem pretende adquirir um automóvel, especialmente quando se há diversas versões disponíveis sempre com novidades e aspectos bastante interessantes.

Ficha técnica do Toyota Corolla Altis 2.0

O Corolla Altis 2.0 tem se destacado no mercado devido aos seus aspectos técnicos apresentados, como por exemplo, o motor, um Dual VVT-i 16V DOHC 2.0 Flex, exclusividade da empresa, que possui potência máxima de até 152 cv a 5.800 rpm, com injeção multiponto e torque máximo de até 21 kgfm a 4.800 rpm, podendo ser abastecido o seu tanque com capacidade para até 60 litros tanto a gasolina quanto a álcool.

Sua aceleração de 0 a 100 km/h, segundo testes, pode ocorrer em até 11 segundos. Além disso, o porta-malas do Altis 2.0 tem capacidade para até 470 litros, e o câmbio é automático com modo manual de 4 marchas com opções no próprio volante.

Direção elétrica, tela touch screen de 6 polegadas com sistema Bluetooth com opção para telefone e sistema de navegação GSP acoplados, rodas dianteiras e traseiras em liga leve com aros de 16 polegadas, retrovisores dobráveis com acionamento elétrico, ar-condicionado automático, airbags laterais e dianteiros, faróis de neblina, indicador de temperatura externa, piloto automático e tomada com saída de 12V são alguns dos principais itens de série acoplados ao modelo que conferem ao mesmo segurança, conforto e entretenimento.

Interior do Corolla Altis

Consumo do Toyota Corolla Altis 2.0

Com relação ao seu consumo, dependendo do seu uso, e do bolso do consumidor, pode ser considerado um carro econômico, uma vez que faz de 10 a 15 km/l de consumo, em média, contudo isso varia muito da opinião e do poder econômico de cada um.

Alguns testes apontaram que o consumo a gasolina, na cidade, em média, era de 10 km/l e na estrada, de 13 km/l, enquanto o consumo a álcool, em média, era de 7 km/l na cidade, e de 9 km/l na estrada, semelhante ao de outras versões da mesma marca.

No geral, apesar do consumo excessivo, em alguns casos, é grande a procura pelo automóvel, que é um dos mais atraentes no mercado atualmente, principalmente no Brasil, em que a paixão por automóveis não é tão diferente quanto em outros lugares.

Traseira do Corolla Altis

Preço do Toyota Corolla Altis 2.0

Com capacidade para até 5 passageiros, o Corolla Altis 2.0, apesar de seu consumo, se mostra um veículo bastante viável, já que a qualidade de suas peças e todos os seus aspectos proporcionam aos seus consumidores bastante satisfação.

O Corolla Altis 2.0 pode ser adquirido por uma faixa de preços considerada justa às opções que o modelo oferece, variando entre R$ 70.000 e R$ 90.000.

Lateral do Corolla Altis

Seu lançamento no mercado na versão 2014 automático possui um preço sugerido de R$ 85.000, podendo sofrer alteração dependendo das concessionárias, da própria fabricante e dos produtos opcionais que podem ser adquiridos e acoplados ao automóvel, sendo um complemento aos já super bem-vindos itens de série que compõem o modelo.

Honda Civic 2.0 LXR 2014

Honda Civic

Desde o ano de 1972, o modelo Honda Civic vem renovando e se destacando no mercado de automóveis e sedãs. Produzido pela fabricante de automóveis japonesa Honda, o Honda Civic chegou ao Brasil somente 20 anos depois do início de sua produção no Japão e em alguns outros lugares do mundo, em 1992, quando colocou em prática a comercialização do modelo Accord e, juntamente com ele, do Honda Civic.

Agora na versão 2014, o modelo continua agradando e chamando a atenção de seus consumidores, especialmente pela sua performance, seu belo design e algumas modificações que se mostram bem-vindas quando o assunto é esportividade e conforto.

Ficha técnica do Honda Civic 2.0 LXR 2014

O novo Honda Civic 2.0 LXR, em sua versão 2014, continua apresentando aos seus consumidores novidades em seu design e em sua performance. O tanque de combustível, com capacidade máxima de até 57 litros, pode ser abastecido tanto a álcool quanto a gasolina.

O motor flex, um 2.0 16V SOHC i-VTEC FlexOne com câmbio automático de 5 marchas, de injeção multiponto, possui uma potência máxima de até 155 cv se for movido a álcool e de 150 cv se for movido a gasolina, ambos a 6.300 rpm. O torque máximo é de até 19,5 kgf.m a 4.700 rpm se movido a álcool e de 19,3 kgf.m a 4.600 rpm se movido a gasolina.

Com direção elétrica e possibilidade de troca de marchas no próprio volante, as rodas dianteiras e traseiras são de liga leve e possuem 16 polegadas. Entre os destaques nos itens de série estão a tela de 5 polegadas com múltiplas funções touch screen, conexão externa com entrada USB, sistema Bluetooth acoplado, ar-condicionado automático, airbags dianteiros , tomada 12V dianteira, sistema de áudio AM/FM com leitor de arquivos MP3, MP4 e CD Player e controle de áudio inserido no volante, garantindo praticidade e entretenimento aos seus passageiros.

Honda Civic 2014

Características internas do Honda Civic 2.0 LXR 2014

Possuindo um acabamento luxuoso inspirado em alumínio no console central e tendo um revestimento de couro nos bancos e nas portas, sendo que o banco do motorista possui regulagem manual de altura, o Honda Civic 2.0 LXR 2014, além de não fazer feio no design externo e no motor, também agrada seus consumidores principalmente com relação ao seu espaço interior, bastante aconchegante e seguro.

Nos bancos traseiros, há capacidade para três passageiros adultos com agradável conforto e suficiente para todos, porta-malas, com capacidade de até 450 litros e lanternas sobre sua tampa, é mais um detalhe que vale a pena ser comentado. Tudo isso ressaltando a beleza, o conforto, a esportividade e a performance do automóvel.

Interior do Honda Civic 2014

Preço do Honda Civic 2.0 LXR 2014

Atingindo velocidade máxima de até 190 km/h, alguns testes já avaliaram a capacidade do Honda Civic 2.0 LXR de ir de 0 a 100 km/h em até 10 segundos, mesmo possuindo um peso de cerca de 1.200 kg.

Apesar disso, para um sedã que apresenta todas as suas características e pelo seu design, o preço sugerido de R$ 74.290 não se mostra um grande valor no bolso de quem se interessa em adquirir um veículo dessa espécie, ainda mais quando muitos o consideram o melhor sedã vendido no Brasil.

Traseira do Honda Civic 2014

Nem mesmo as alterações básicas no design que o modelo sofreu devido à alta concorrência que passou a surgir nos últimos anos fizeram o gosto dos apaixonados por sedãs mudar, pelo contrário, suas características, que já agradavam aos clientes, permaneceram ainda mais queridas, mantendo a esportividade, o conforto e a sofisticação característicos do modelo.

Assista ao vídeo abaixo e confira todas as novidades dos três modelos 2014 do Honda Civic:

Peugeot 3008 automático 2014

Peugeot 3008 preto

A fabricante de automóveis francesa Peugeot lançou recentemente a versão 2014 do Peugeot 3008, que desde 2009, quando o modelo passou a ser produzido, tem ganhado algumas características para deixá-lo cada vez mais moderno e sofisticado.

Em 2010, foi lançado no Brasil o modelo 3008 da Peugeot, em três diferentes versões: Allure, Griffe e Rolland Garros. Ambas possuem o motor 1.6 16V Turbo High Pressurem, que pode ter potência máxima de até 165 cv.

O câmbio automático de 6 marchas  é outra característica comum entre as versões do 3008. Com um sistema Head Up Display acoplado ao veículo, fica fácil compará-lo com uma aeronave, já que muitas destas possuem este sistema. Graças a ele, é possível ao motorista ter acesso a algumas informações que são transmitidas diretamente no para-brisa sem desviar a atenção da estrada enquanto estiver dirigindo.

Consumo do Peugeot 3008 automático 2014

O novo Peugeot 3008, quando chegou à versão 2014, aposentou seu câmbio de 4 marchas e passou por uma melhoria para quem está pilotando, com um banco mais alto e possibilitando melhor visibilidade na estrada. Além de, é claro, disponibilizar seus inúmeros recursos para agradar seus consumidores.

Disponível nas cores cinza, branco e preto, a velocidade máxima é de até 202 km/h, enquanto o motor é movido somente a gasolina para qualquer das suas versões.

Com um tanque de capacidade para até 60 litros de combustível, o Peugeot 3008 automático possui um consumo médio de gasolina de até 10 km/l na cidade e 15 km/l em rodovias, um consumo baixo para um veículo com preço satisfatório em virtude de tantos aspectos apresentados.

Câmbio automático do Peugeot 3008

Teste do Peugeot 3008 automático 2014

Movido a gasolina, o Peugeot 3008 2014 passou por alguns testes quando foi lançado para comprovar sua eficiência e suas características que tanto chamam a atenção de muitos consumidores. Como por exemplo, o seu consumo, que não é tão alto quanto outros modelos de automóveis, além de possuir um bom desempenho também para fazer curvas e o preço se ajusta aos seus itens e equipamentos, que são agradáveis.

Na frenagem, o Peugeot 3008 também não decepciona. Em alguns testes realizados, a frenagem partindo de 120 km/h ocorreu em até 49 metros. Partindo da metade, de 60 km/h, foi de até 13 metros o espaço percorrido pelo veículo para chegar a 0 km/h.

O Peugeot 3008 pode ir de 0 a 100 km/h em até 9,8 segundos, aceleração semelhante a de certos tipos de carros menores, mais leves, e com motores maiores,  mesmo possuindo cerca de 1.500 kg, mostrando que o modelo não está para brincadeira quando o assunto é potência e rapidez.

Traseira do Peugeot preto

Preço do Peugeot 3008 automático 2014

Quando lançado o modelo 3008 com câmbio automático, foi disponibilizada a opção de câmbio manual para quem possui esta preferência.

Inicialmente, o preço do Peugeot 3008 2014 foi sugerido pela fabricante aqui no Brasil para girar em torno de R$ 85.000 a R$ 100.000, podendo haver alteração dependendo das concessionárias, das versões do modelo e da própria fabricante, e de itens opcionais que podem ser incluídos.

Uma vez composto pelos seus itens de série, entre eles, tela de 7 polegadas touch screen, sistema Bluetooth com opção de telefone, entrada para conexão USB, ar-condicionado automático com saída traseira, airbags laterais e dianteiros, luzes de neblina, piloto automático e sistema de rádio que pode também reproduzir arquivos no formato MP3 e CD Player, o Peugeot 3008 automático mantém uma média de preço de R$ 86.990 para a versão Allure, R$ 94.990 para a versão Griffe e R$ 98.990 para a versão Rolland Garros.

Peugeot 3008 parte interna

O Peugeot 3008 modelo 2014 chegou ao mercado nacional com muitas mudanças e oferendo sempre mais sofisticação, modernidade e toda qualidade da montadora francesa aos seus consumidores.

Assista ao vídeo abaixo sobre o Peugeot 3008 modelo 2014:

Fiat Punto 2014 completo

Fiat Punto branco

O novo Punto 2014 já está disponível nas concessionárias da Fiat com novidades e mudanças que valorizaram ainda mais o seu visual, com o rico acabamento interno e com todos os itens de série disponíveis, o carro ficou mais tecnológico e prazeroso na hora de ser conduzido. Os consumidores terão a oportunidade de conhecer esse carro em quatro versões diferentes, com quatro motores e dois tipos de câmbio.

O Punto está facilmente entre os melhores carros compactos do país, não é a toa que a Fiat vem renovando o modelo ano após ano, e colocando itens de série em seu interior e exterior para melhorar o desempenho. Conheça mais a respeito desse carro da Fiat nos tópicos abaixo e tire suas próprias conclusões.

Preço do Fiat Punto 2014 completo

Ao olhar para o novo Punto fica evidente que ele recebeu novas linhas que o deixaram mais agressivo, as mudanças evidenciam os para-choques que recebem novos desenhos que variam de acordo com a versão. A partir de agora virão com ele novas rodas, novo conjunto óptico, iluminação em LED, sem contar o teto solar panorâmico que pode equipar o veículo de acordo com a opção do consumidor.

Apesar de a versão 2013 ainda estar nas concessionárias logo o estoque findará e o mais barato entre as quatro versões do Punto será o Essence com preço sugerido de R$ 43,420,00, o Punto Sporting de motor 1.8 sai por R$ 48.420,00. O Blackmotion 1.8 tem preço fixo de R$ 50.550,00 e o T-Jet de 1.4 é o mais caro com preço de R$ 58.300,00.

Fiat Punto branco e preto

Ficha técnica do Fiat Punto 2014 completo

A versão completa do Fiat Punto que é a T-Jet trará com ela muitos itens de série, entre eles estão as alças dianteiras de segurança, ar-condicionado, apoios de cabeça, bancos dianteiros com regulagem de encosto, bancos esportivos revestidos com couro e tecido, além de apoio para os pés do motorista.

O motor fica na posição transversal com 4 cilindros em linha, 4 válvulas por cilindro e 1.368 cilindradas. A potência máxima é de 152 cavalos a 5.500 rpm com o torque de 21,1 kgfm entre 2.250 a 4.500 rpm, o responsável por isso, e pela economia do veículo é a injeção eletrônica que leva a quantidade certa de combustível para a combustão do motor.

Painel do Punto 2014

Avaliação do Fiat Punto 2014 completo

Em todas as versões o carro se ajusta a necessidade de cada condutor, as regulagens no banco e no volante permitem escolher qual a melhor posição de pilotagem. Assim que testado em solo brasileiro mostrou desenvoltura para se sobressair perante aos desafios das ruas do país, sua suspensão trabalha bem e absorve os impactos mais fortes.

A acústica do interior é boa, evitando que ruídos sejam ouvidos pelos passageiros, o teto-solar que é um opcional, permite um passeio relaxante em dias de sol ou em uma noite estrelada. Os comandos de mídia no volante facilitam na hora de trocar de música ou realizar outras funções no comando de mídia no Punto 2014 da Fiat completo, evitando assim, desviar a atenção do motorista.

Fiat Punto vermelho

Todos os carros já vêm com o freio ABS instalado, e para as versões T-Jet e Sporting o câmbio automático Plus é opcional.

Para mais informações sobre o Fiat Punto 2014 assista ao vídeo abaixo:

Fiat Siena 1.4 completo 2014

Fiat Siena vermelho 2014

Em 1997 chegou ao mercado o Fiat Siena, fabricado pela montadora de veículos italiana Fiat, surgindo nessa época inicialmente na Argentina, chegando ao Brasil posteriormente como um complemento à produção do veículo no país vizinho.

Tido como um dos carros sedãs mais famosos e procurados, o Siena visa conforto, segurança e economia aos seus clientes, podendo ser equipado com acessórios opcionais mais os comuns na versão de fábrica.

Movido tanto a álcool quanto a gasolina, o Fiat Siena chega a versão EL 1.4, repleto de novidades, e mantendo alguns aspectos para lá de desejáveis pelos fãs do modelo.

Teste do Fiat Siena 1.4 completo

A performance do modelo tem agradado consumidores que já adquiriram esse modelo, apontando como pontos positivos seu melhor desempenho em relação à versão EL 1.0, e ainda, pouca diferença de preço entre ambos.

Com relação ao espaço interno, chega a ser destacável como um ponto negativo, desagradando a alguns consumidores por possuir um grande porta-malas e um espaço interno mais reduzido, principalmente os bancos traseiros, além de uma limitada diversidade de tecnologias acopladas ao veículo.

Alguns testes foram realizados com o automóvel com relação à velocidade. Entre eles, vale destacar a aceleração de 0 até 100 km/h, que pode ser feita em média de 16,4 segundos.

Siena EL 2014 correndo

Ficha técnica do Fiat Siena 1.4 completo

A versão 2014 do Fiat Siena 1.4 tem se mostrado mais um grande atrativo da fabricante, cujo motor permite ao seu comprador baixo consumo de combustível, mantendo uma potência satisfatória.

Com injeção multi ponto, o motor pode ter uma potência de até 88 cv movido a álcool e de até 85 cv movido a gasolina, podendo atingir, respectivamente, velocidade máxima de 167km/h e 166 km/h. Possui alarme anti-furto, antena, ar-condicionado, porta-óculos, revestimento de colunas, sacola reciclável de objetos, airbag duplo e relógio digital.

O motor pode ir de 0 a 100 km/h em até 16,1 segundos se movido a etanol e até 16,7 segundos se for movido à gasolina. Para quem está socializado com o meio ambiente, nesse modelo não há altos índices de emissão de gases na atmosfera, além de possuir alta silenciosidade. No interior do veículo há ainda rádio com entrada para USB, iPod, iPhone e sistema Bluetooth, com um design novo e mais moderno para o volante.

Painel do Fiat Siena 1.4

Preço do Fiat Siena 1.4 completo

Ainda este ano, a Fiat pretende equipar em até 100% de seus carros produzidos no Brasil com airbags e freios ABS, que são previstos nas normas do Contran que entrarão em vigor a partir de 1º de janeiro de 2014.

Inicialmente, o valor sugerido do Fiat Siena 1.4 completo era em torno de R$ 33.070, podendo ocorrer variação na faixa de preço, dependendo das concessionárias e da própria fabricante dos automóveis. A faixa de preços pode girar em torno de R$ 30.000 a R$ 35.000. Freios ABS e EBD podem ser comprados opcionalmente por cerca de R$ 600 a R$ 650 cada, conferindo ao veículo mais segurança e confiabilidade.

Traseira do Siena prata 2014

O Fiat Siena 1.4 completo foi todo repaginado na versão 2014 para melhor agradas os consumidores e assim conquistar o mercado brasileiro.

Assista ao vídeo abaixo e saiba mais sobre o Fiat Siena 1.4 completo 2014:

Fiat Idea Essence 2014

Fiat Essence 2014

A fabricante de automóveis italiana Fiat lançou recentemente a nova versão 2014 do Fiat Idea Essence, que traz algumas atualizações em seu design em relação aos outros modelos.

Em 2005, quando foi lançado pela primeira vez a versão Fiat Idea, o objetivo era fazer com que o modelo ganhasse maior competitividade no mercado, proporcionando aos consumidores um novo design externo, novos motores, e mais tecnologias acopladas para satisfazer seus clientes. No Brasil, a Fiat passou a investir pesado na marca com o objetivo de desenvolver a linha de produção.

A versão Essence 1.6 16V, atualmente, é uma das mais procuradas no mercado automobilístico, sendo um grande atrativo para quem quer economia sem perder a qualidade e o conforto.

Ficha técnica do Fiat Idea Essence 2014

Com nova moldura para seus faróis de neblina, algumas modificações no painel, agora o Fiat Idea Essence apresenta também uma nova moldura opcional para sua parte central, modificações nas saídas de ar, além de alterações nos comandos de ar-condicionado e novas rodas e calotas.

O Essence ainda possui um motor 1.6 16V com potência de até 117 cv se movido a álcool e de até 115 cv se movido a gasolina, ambos a 5500 rpm, e um câmbio manual de 5 marchas, indicador de temperatura externa e luz no porta-malas, esses últimos como itens de série. Para complementar, o modelo pode ir de 0 até 100 km/h em até 12,4 segundos.

Outra novidade nessa versão 2014 do Fiat Idea é o acréscimo de um retrovisor externo elétrico e frisos cromados, que, assim como os outros aspectos, mantêm o modelo com sofisticação, modernidade e conforto que tanto chama a atenção de seus consumidores.

Motor do Fiat Idea Essence 2014

Avaliação do Fiat Idea Essence 2014

Alguns clientes que já compraram esse carro apontam que, no geral, o Fiat Idea Essence versão 2014 apresenta um design sofisticado e ao mesmo tempo moderno, apesar das poucas novidades que a versão trouxe em relação as anteriores.

No mais, o consumo é um pouco elevado, apesar do conforto, da sua performance e do bom acabamento. Com um motor silencioso e os bancos confortáveis e o espaço interno bastante aconchegante, no geral, o modelo tem agradado seus consumidores, ainda mais com o excelente comportamento dos freios e da climatização por controle manual do veículo.

No primeiro semestre de 2013, as vendas do Fiat Essence foram de aproximadamente 10.000 unidades vendidas em todo o país, perdendo apenas para o Chevrolet Spin e para o Honda Fit, que, respectivamente, ficaram com cerca de 15.000 e 16.000 unidades vendidas.

Painel do Idea Essence 2014

Preço do Fiat Idea Essence 2014

Assim que divulgado o modelo pela fabricante, o Fiat Idea Essence contaria com algumas novidades em seu design para se posicionar no mercado como mais um grande atrativo da empresa. O modelo se fixa como uma boa opção para quem quer adquirir um automóvel.

Inicialmente, o preço do Idea Essence 1.6 16V foi divulgado oficialmente pela Fiat, saindo em torno de R$ 45.370, bem como as versões Idea Attractive 1.4 e Idea Adventure 1.8 estão saindo, respectivamente, por R$ 43.290 e R$ 52.400. Há a possibilidade de haver alteração nessa faixa de preços, dependendo das concessionárias e da própria fabricante.

Idea Essence 2014

O novo Fiat Ideia Essence chegou ao mercado brasileiro para conquistar cada vez mais consumidores, oferecendo em troca qualidade, conforto e sofisticação tanto em seu interior como também em seu design externo.

Fiat Grand Siena 2014

Grand Siena

Apesar do modelo simples do Siena ainda continuar no mercado, a Fiat resolveu inovar trazendo uma nova versão para 2014. A empresa produziu um novo veículo que carrega com ele o nome “Grand Siena”, não por menos esse título foi introduzido para que os consumidores pudessem o identificar como um veículo com muitos itens de série de ponta.

A intenção da Fiat foi trazer um carro que pudesse ficar abaixo do Linea na tabela, ou seja, aqueles que não podem investir no modelo luxuoso passaram a ter uma boa opção não tão cara disponível. Mesmo com preços baixos, traz com ele diversas opções requintadas no interior que o colocam entre os mais desejados sedãs no mercado.

Consumo do Fiat Grand Siena 2014

Em todas as medidas possíveis o veículo está maior do que a versão simples, mais confortável e todas as mudanças resultaram em um interior espaçoso que abriga os passageiros perfeitamente. O porta-malas que já era um local espaçoso está ainda mais competente com os seus 520 litros, número que o deixa acima de todos os demais sedãs do mercado brasileiro.

Nos testes, a surpresa ficou no painel de serviços do carro que mostra o quanto o automóvel está consumindo, no marcador a média ficou entre os 14 km/litro tanto na cidade quanto na pista. Esses números dependem da forma com que o condutor dirige, se for alguém que acelera bastante o consumo aumenta, e se for uma pessoa que roda com tranquilidade a média é batida.

Interior do Grand Siena

Preço do Fiat Grand Siena 2014

Montado no Brasil, o Grand Siena está sendo produzido em três versões diferentes, a primeira e mais barata é a Attractive 1.4 que tem preço sugerido de R$ 38.150,00. O modelo intermediário é conhecido como Essence 1.6 e teve o valor elevado para R$ 42.890,00 nas concessionárias, e o Evo Tetrafuel é o mais requintado de todos, com o preço fixo de 47.310,00 em todas as concessionárias brasileiras.

São doze cores diferentes que podem ser escolhidas pelos consumidores, quatro delas são básicas e as outras oito são metálicas e mais caras. Se o consumidor acessar o site da marca poderá “montar o seu Grand Siena”, escolhendo os itens que podem vir instalados de fábrica.

Grand Siena da Fiat

Ficha técnica do Fiat Grand Siena 2014

O motor desse veículo fica na posição transversal e possui 4 cilindros em linha, a taxa de compressão é de 10,5:1 com um total de 1598 e 2 cilindradas. A potência máxima é de 115 cavalos utilizando gasolina e 117 cavalos no etanol, o torque produzido é de 16,2 na gasolina e 16,8 com etanol, mostrando força desde a arrancada até a velocidade máxima.

O veículo conta com diversos itens de série como as alças traseiras, acabamento de cor cobre nas saídas de ar, apoio para o pé do motorista, apoio de cabeceira em todos os bancos, ar-condicionado, freios ABS, regulagem de altura no banco do condutor e alertas de velocidade e manutenção no painel.

Grand Siena da Fiat 2014 prata

Em qualquer uma das versões, o Grand Siena está superior ao modelo simples, com bons preços e pode ser a saída para quem não puder pagar mais por um sedã luxuoso.

 

Toyota Hilux 4×4 cabine dupla

Hilux prata

Desde o ano de 1969, a fabricante de automóveis japonesa Toyota passou a adotar o nome “Hilux” para designar as camionetes que passaram a ser fabricadas por ela. O nome seria derivado das palavras em inglês “High” e “Luxury”, podendo significar “alto luxo”.

Durante todo esse tempo, a produção de automóveis Hilux foi se modernizando até chegar nos dias de hoje, procurando atender um público cada vez mais exigente.

Pode ser adquirida mediante duas versões: Hilux de cabine simples e cabine dupla. Atualmente, é um dos carros mais famosos e mais vendidos, oferecendo ao seu cliente conforto e segurança.

Ficha técnica da Toyota Hilux 4×4 cabine dupla

A Toyota Hilux 4×4 Cabine Dupla possui duas cabines, daí o nome “cabine dupla”, em alusão aos compartimentos do automóvel. Além disso, possui uma capota traseira com comprimento de até 1,5 m, largura de 1,5 m e altura de até 0,5m.

A Hilux 4×4 possui retrovisores externos com indicador de direção, uma antena localizada no teto, um sistema multimídia interior com tela de 6 polegadas touch screen e GPS integrado, entrada para USB, iPod e iPhone, além de um aparelho de rádio que reproduz arquivos MP3 e CD Player. Ar-condicionado digital acoplado, sistema Bluetooth, transmissão automática de 5 velocidades diferentes e um painel Optitron, com um design diferente e mais moderno.

E ainda, o banco do motorista possui um ajustador elétrico de distância, inclinação e altura. Nas versões SRV, STD e SR, o motor, um Toyota VVT-i Flex 2.7L 16V DOHC, com sistema de injeção eletrônica, tem potência máxima de até 163 cv a 5000 rpm com etanol e até 158 cv a 5000 rpm com gasolina. Para a segurança de quem está dentro do veículo, há um sistema de airbags, faróis automáticos, colunas anti-impacto, câmera de ré, coluna de direção deformável, em casos de impacto, além de um controle eletrônico de velocidade, que possibilita a correção de falhas que podem surgir durante a pilotagem do automóvel, todos esses aspectos contribuindo para o bem-estar de quem está dentro do veículo.

Painel da Hilux

Preço da Toyota Hilux cabine dupla

A Hilux cabine dupla 4×4, desde que chegou ao mercado passou a chamar a atenção de seus consumidores, principalmente por possuir uma relação de preços dedicada ao seu principal público-alvo, aquele que busca luxuosidade, esportividade, performance e bom gosto.

Pode ser adquirida nas suas diferentes versões, com cabine dupla e cabine simples, por preços que variam entre R$ 90 mil e R$ 150 mil.

Todos os aspectos que fazem parte do modelo proporcionam ao seu consumidor um bom desempenho do produto e confiabilidade que arrastam muitos dos apaixonados por automóveis para as lojas de veículos.

Lateral da Hilux

Toyota Hilux 4×4 cabine dupla a diesel

Nas versões da Hilux 4×4 de cabine dupla SR, STANDARD e SRV, o motor, um Toyota 3.0 litros 16V D-4D diesel possui uma potência máxima de até 171 cv a 3600 rpm com injeção direta e eletrônica de combustível (common rail).

Dentre os demais aspectos do modelo, a maioria são semelhantes aos dos modelos Flex, como os retrovisores externos cromados, controle de velocidade de cruzeiro, sistemas Bluetooth, GPS e entradas para USB , iPod e iPhone, airbags, entre outros.

Frente da Hilux

A potência do motor, no entanto, se mostra um pouco maior, com mais força em cavalos em menos tempo do que os veículos de motores movidos a gasolina e etanol, os chamados Flex.

Assista ao vídeo abaixo sobre a Hilux flex da Toyota:

Fiat Adventure cabine dupla 2014

Dianteira Strada

A Fiat tem muita tradição no desenvolvimento de picapes que deram certo no Brasil, o primeiro modelo era derivado do Fiat 147 e tinha a famosa caçamba para se levar objetos na traseira. O segundo a surgir foi derivado do Uno e também tinha o bom desempenho e espaço suficiente para carregar objetos, em 1998 surgiu a Strada derivada do Fiat Palio.

Apesar de mais cara do que as antecessoras, essa picape trazia com ela a beleza e o conforto do interior, alguns modelos naquela época foram vendidos com direção hidráulica e com vidros elétricos o que era um avanço para a época.

Ficha técnica do Fiat Adventure cabine dupla 2014

Atualmente a Strada não depende mais do Palio para ser produzida, ou seja, os dois veículos são feitos em plataformas diferentes e possuem suas próprias características. A versão 2013 está prestes a deixar de ser fabricada, afinal a montadora está em Viena na Áustria apresentando a nova Picape que será vendida no próximo ano. Algumas mudanças visíveis foram feitas, mas ainda são poucas as informações divulgadas a seu respeito.

O motor ainda não teve seus números revelados, mas acredita-se que deverão ser mantidos os mesmos da versão atual que tem o 1.4 Fire de 8 válvulas e 86 cavalos, tem o 1.6 E-torq com 117 cavalos e o 1.8 E-torq de 132 cavalos. São três opções de carroceria na atualidade com cabine simples, estendida e dupla, já no 2014 será acrescentada a versão com três portas.

Lateral Fiat Strada

Preço do Fiat Adventure cabine dupla 2014

A mudança estrutural não é a única a ser feita nessa picape, nas imagens reveladas pela Fiat dá para perceber que o conjunto óptico traseiro também sofreu leves reformulações. A partir de agora a lanterna traseira não ficará mais na porta da caçamba, talvez essa seja uma maneira de relembrar o modelo de 1998 que tinha essa mesma característica.

Outro ponto que ainda não foi revelado pela marca é o valor do veículo, ainda mais que na apresentação o preço sugerido deverá ser em euros e não em dólares ou reais. O que se pode esperar é que sejam mantidos os preços que estão nas concessionárias atualmente, eles variam de R$ 32.520,00 a R$ 53.210,00, o modelo de três portas poderá ter um acréscimo nos primeiros meses de vendas, mas dependerá do numero de unidades vendidas.

Traseira nova Strada

Avaliação do Fiat Strada Adventure cabine dupla 2014

Seu uso deverá ser voltado para pessoas que desejam ter uma caminhonete para carregar muitos pertences e abusar do seu espaço traseiro, a versão com três portas é para quem quer um carro com caçamba sem perder os quatro lugares do interior. Apesar de ainda não ter revelado muitas informações sobre o interior, alguns especialistas apontam que ela deverá ficar mais confortável e com mais itens de série instalados.

A estreia do modelo de entrada no Brasil deverá ocorrer apenas no final do primeiro semestre de 2014 ou no início do segundo semestre. Talvez o desejo maior da marca seja apresentar esse veículo no Salão do Automóvel, para isso deverá liberar mais informações antes do evento e deixar os consumidores ainda mais curiosos a respeito de como deverá ficar essa picape.

Interior Strada

Assim que for lançada, haverá uma operação das concessionárias para eliminar todas as versões anteriores e assim os consumidores poderão pagar menos nas lojas que possuírem estoque.

Assista ao vídeo abaixo com informações sobre a picape Adventure cabine dupla da Fiat:

Citroën Aircross preço 2013

Citroën Aircross vermelho e prata

Após pouco mais de 90 anos de existência, a marca, que em quase um século passou por diversas inovações e transformações tecnológicas até então, chegou ao modelo Aircross, o qual não foge à regra e também traz alguns aspectos inovadores que estão se consolidando cada vez mais no mercado como um produto de qualidade e voltado a um público interessado em grandes aventuras.
O novo Citroën Aircross possui exclusivas barras de teto longitudinais off-road em alumínio no design externo, rodas de liga leve 16 polegadas, uma tecnologia que permite acesso a um sistema de navegação, incluindo GPS com tela de 7 polegadas, possuindo ainda indicação sonora e visual das rotas em três ou duas dimensões.

Ficha técnica do Citroën Aircross 2013

O modelo ainda possui uma tecnologia de piloto automático com potência de 113 CV, combinado a um motor 1.6 16 V Flex com câmbio automatizado de 4 marchas ou câmbio mecânico de 5 marchas, que possibilita ao motorista manter o veículo numa velocidade contínua sem pisar no acelerador. O modelo ainda permite a função Bluetooth, que possibilita chamadas em viva voz. Na parte traseira, há um sistema de fixação para estepes com capa rígida de alta resistência no material, e que pode ser aberto por telecomando da chave.

Com um alto padrão de acabamento, o Citroën Aircross possui um sofisticado sistema de volante em couro, um painel esportivo com formas arredondadas, bússolas e clinômetros e há ainda um modelo de som automotivo (Pioneer), especialmente desenvolvido para o Citroën. Cujo sistema de áudio permite arquivos nos formatos MP3 e WMA, além de possuir entradas para iPod e USB.

Por último, há um sensor de estacionamento acoplado, vários porta-objetos espalhados pelo veículo, direção hidráulica avançada, além de um para-brisa panorâmico que amplia a visibilidade do condutor e possui um elevado grau de segurança devido à sua resistente estrutura, detalhes estes que refletem o conforto disponibilizado por esse modelo.

Painel do citroen Aircross

Preço do Citroën Aircross 2013 automático

O Citroën Aircross 2013, cujo modelo desenvolvido é inspirado em expedições aventureiras por diferentes lugares, inclusive uma travessia pelo deserto do Saara, possui um preço variável no mercado, contudo, pode ser comercializado por valores que variam em torno de uma média de R$53.000 a R$ 65.000.

Entre eles, o modelo que utiliza motor 1.6 16 V Flex, que será disponibilizado pelo preço de R$ 53.900 em duas versões. Com relação à versão GLX manual, que pode receber câmbio automático, além de oferecer sistema de ar condicionado, direção hidráulica, sistemas de som com entradas iPod e USB e vidros elétricos tem um preço de R$ 57.900. Já a versão Exclusive 1.6 16 V Flex, com sistema de som Pioneer, bancos de couro e ar condicionado digital, também podendo ser equipado com câmbio automático, possui o preço de R$ 64.200.

Citroën Aircross prata e Hickory

Consumo do Citroën Aircross

Com relação ao consumo do modelo Citroën Aircross, por ser automático graças ao sistema de piloto automático, o consumo em média é de 1 litro de gasolina a cada 6,5 km percorridos, um gasto de combustível um pouco elevado em relação a outros modelos da marca, como o Citroën C1, de 2012, cujo consumo médio é de 4,5 litros a cada 100 km percorridos. Portanto, com base nesses dados, o consumo seria, a cada 100 km, de aproximadamente 15 litros.

Citroën Aircross perto de uma cachoeira

Citroën Aircross 2013 é um excelente carro, porém possui um consumo elevado referente aos carros da marma e os seus concorrentes de categoria. Mas vá até uma concessionária da montadora e realize um test drive para adquirir mais informações sobre esse veículo.

Assista ao vídeo abaixo com mais informações e o preço do Citroën Aircross 2013:

VW Gol G4 2013

Gol G4 vermelho

A famosa fabricante de automóveis conhecida como Volkswagen lançou recentemente a nova versão do carro Gol, famoso no mundo todo, principalmente aqui no Brasil: o VW Gol G4 2013, o qual está atraindo a atenção dos consumidores por consequência do preço baixo e ao mesmo tempo sendo confortáveis, misturando simplicidade e modernidade no mesmo modelo.

O Volkswagen Gol foi desenhado no Brasil e comercializado em outros países na década de 80, quando imediatamente passou a fazer sucesso e a ser conhecido e comprado, tendo sido o único modelo de carro capaz de superar a marca de vendas do Fusca, até então líder de mercado.

Preço do VW Gol G4 2013

O VW Gol faz parte da Quarta Geração do modelo, que agora, na versão atual, a de 2013, continua fornecendo acessibilidade e baixo preço para seus consumidores e, é claro, conforto e modernidade.

O VW Gol G4 está se destacando aos poucos no mercado. Aqui no Brasil, o modelo está saindo por até R$ 26.000, devido a economia e simples design em comparação com diversos outros modelos de automóveis que visam luxuosidade, versatilidade e modelos aventureiros e esportivos.

Gol G4 2013

Ficha técnica do VW Gol G4 2013

Com um motor cuja potência é de até 68 cv, o VW Gol G4 pode ir de 0 a 100 km/h em até 12,8 segundos, atingindo velocidade máxima de até 170 km/h. Para consumidores não muito exigentes com relação a esse tipo de produto, o modelo apresenta um design confortável, câmbio manual de até 5 marchas, para-sol com espelho, tomada de 12v, indicador de consumo e opções de 2 e 4 portas.

Rodas de aço 5J x 13 ET 38 recobertas com super calotas de aro 13″, reservatório de combustível de até 55 litros e compartimento de carga com volume de até 285 litros também são alguns dos detalhes que valem a pena serem citados. Essa versão moderna do Gol também pode apresentar, opcionalmente, ar-condicionado, desembaçador e lavador do vidro traseiro com temporizador, faróis de neblina, alto-falantes, CD-player MP3 com entradas para USB e iPod e sistema Bluetooth acoplado.

Há também alças de segurança no teto e apoios traseiros de cabeça. Tais peças opcionais terão um determinado custo adicional de acordo com sua encomenda e especificidade. As cores, diversificadas podem ir de preto, branco, prata e cinza a vermelho.

Painel do Gol G4

Consumo do VW Gol G4 2013

Atualmente, o consumo do VW Gol G4 chega a um gasto com gasolina de 17 km/litro e, com etanol, de 12 km/litro. O consumo desse novo modelo recebeu uma redução de cerca de 5% em relação ao anterior, o que indica uma visível economia.

Essa economia foi ocasionada devido às mudanças feitas pela fabricante no motor do automóvel, que agora passa a exigir menos gasto de combustível enquanto estiver rodando.

Gol G4 prata.

Mesmo com a economia de combustível, esse motor e consequentemente o automóvel, não há interferência negativa na potência e na eficiência dos mesmos, que continuam garantindo credibilidade à marca e chamam a atenção para ela no mercado de automóveis, sempre mantendo seu fiel público.

Assista ao vídeo abaixo com muitas informações sobre o Gol G4 2013 da VW:

Fiat Palio Sporting 2014

Palio Sporting

Por causa de o Volkswagen Gol ser o carro mais vendido no Brasil, muitas pessoas acham que a marca é a que lidera o mercado de automóveis no país. Contudo a verdade é que a Fiat lidera as vendas no Brasil por conta da grande variedade de escolhas que possibilita ao consumidor, sem contar que é a mais barata entre todas elas na maioria dos veículos.

Um dos bons carros produzidos pela Fiat é o Palio que ocupa a terceira posição em vendas no mercado, o carro está disponível aos consumidores desde os anos 90, mas agora chegou a versão mais completa com tecnologia de sobra e muitos detalhes que o diferenciam da concorrência.

Consumo do Fiat Palio Sporting 2014

Aos poucos a empresa realizou mudanças no Palio para que o carro pudesse atrair mais consumidores, em 2013 o Fiat Palio passou por várias delas e recebeu a versão Sporting. Diferente dos carros que possuem motores turbinados como Linea e Punto, o carro da Fiat obteve pontos importantes na suspensão, rodas maiores e um visual distinto.

Ele tem o motor um pouco mais forte do que as suas demais versões, por isso os números do consumo de combustível estão acima dos outros. Quando utilizado etanol a média é de 8,2 km/l, se utilizado a gasolina a média sobe para de 12,4 km/l, o consumo na pista é de 14 km/litro que é um valor consideravelmente bom.

Palio rodando

Avaliação do Fiat Palio Sporting 2014

A Fiat liberou o Palio para testes ciclísticos da UOL, dentro da avaliação eles perceberam que se tratava de um carro simples de dirigir, econômico e é mais firme do que os demais modelos. Suporta bem as curvas e mesmo entrando nelas em uma velocidade elevada consegue se manter estável, os jornalistas chegaram a dizer que o acerto foi tão grande que a suspensão poderia ser copiada para outros modelos da marca.

No mercado nacional o Palio tem que concorrer com outros veículos bons na mesma categoria, o principal é o Gol Rallye que possui motor flex de 1.6 e custa R$ 43.030,00. Também tem o Sandero Stepway com o mesmo motor e com câmbio manual de 5 marchas, o qual é mais barato que os demais concorrentes com o valor de R$ 42.990,00.

Traseira do Palio

Ficha técnica do Fiat Palio Sporting 2014

O Palio Sporting traz sob o capô um motor de 1.6 16V E-Torq com potência máxima variante entre 115 com gasolina e 117 com etanol, independente de ser um motor com 4 válvulas por cilindro, o carro oferece bom torque desde as baixas rotações com número de 16,2 kgfm. Esses números geram resultados que mostram que o Palio Sporting é veloz tanto em arrancadas quanto em retomadas de velocidade, as cinco marchas do câmbio podem ser bem exploradas.

No interior as especificações mostram um carro com bancos confortáveis e feitos no estilo Recaro, o automóvel possui regulagem de altura no banco do condutor. O volante é revestido de couro, vários porta-objetos e o teto solar.

Interior Palio

Aqueles que querem investir nesse veículo vão encontrar um carro veloz, mas vale ressaltar que no valor é de R$ 41.310,00 é possível encontrar outros veículos com mais motor e opcionais no mercado brasileiro, mas sem qualidade Fiat.

Confira no vídeo abaixo várias fotos do novo Palio Sporting 2014 da Fiat:

Volkswagen Saveiro Trend 2014

Nova Saveiro Trend

Assim que o Gol G6 chegou ao mercado, a maior parte dos consumidores ficaram ansiosos para conhecer a renovação que seria feita no Saveiro. A principal mudança veio na dianteira que recebeu um novo farol, aos poucos a Volkswagen liberou imagens e informações a seu respeito.

Ela já está disponível no mercado em algumas versões e o modelo de entrada é o Trend, ele foi feito para ser o mais barato e acessível a todos os consumidores que buscam uma picape barata e eficiente.

Preço do Volkswagen Saveiro Trend 2014

O modelo ganhou as mesmas linhas vistas na versão Hatch, mas não parou por aí, os engenheiros também utilizaram o mesmo pacote de acessórios com tecnologia suficiente para agradar aos consumidores mais exigentes. Esse trabalho é possível porque a plataforma usada para a construção do Saveiro é a mesma do Gol, detalhe que ajudou a fazer com que a picape fosse lançada ainda esse ano.

A marca deixou muita gente de queixo caído com o valor baixo que estabeleceu, o preço sugerido é R$ 33.490,00. Se comparado com o carro antigo o valor aumentou em apenas 100 reais, pouco para as mudanças que a picape de cabine simples recebeu. O item mais importante que ela traz são os seus vidros elétricos e o travamento central, são pequenos pontos que ajudam a aumentar o interesse dos consumidores.

Lateral da Saveiro Trend

Ficha técnica do Volkswagen Saveiro Trend 2014

Por conta da pressa que a Volkswagen teve em lançar essa picape o seu motor foi mantido, por isso sob o capô vem um bloco de 1.6 com 104 cavalos de potência ao atingir os 5.250 giros. O torque máximo é de 15,6 kgfm a 2.500 giros, os números são capazes de fazer com que o carro vá de 0 a 100 km/h em apenas 10,5 segundos, ou de 80 120 km/h em 14,9 segundos o que mostra uma boa retomada de velocidade.

A velocidade final do Saveiro é de 179 km/h limitado de fábrica, o veículo na pista mantém as mesmas características da versão anterior que agradava aos consumidores. Para controlar sua velocidade foi instalado o freio ABS que em situações de emergência se faz necessário, vale ressaltar ainda que o sistema ESS também faz parte do conjunto, ele aciona o pisca alerta quando o freio é acionado com força e rapidez alertando o motorista que vem atrás.

Traseira Saveiro

Consumo do Volkswagen Saveiro Trend 2014

Na traseira o espaço continua bom com a capacidade de até 734 litros suportando até 605 quilos, assim como a marca gosta de frisar, o usuário pode abusar das qualidades do carro. No interior a lista de opcionais é vasta e depende apenas de quanto o consumidor deseja gastar para contar com eles.

A picape pode ser adquirida com banco de couro, volante multifuncional com comandos de rádio, CD Player com entrada para Bluetooth, entrada USB e também interface capaz de ler todas as funções disponíveis no iPod. Assim como a montadora promete, é possível obter uma cartilha com todos os opcionais adquiridos.

Interior da Saveiro

Quem estiver a fim de fazer um teste nessa picape pode ir diretamente a uma concessionária da marca, é o melhor lugar para se comprar por conta da garantia e também das revisões de fábrica que se fazem nas necessárias.

Assista ao vídeo abaixo com mais informações sobre Saveiro Trend 2014 da Volkswagen:

Volkswagen Passat TDI 2014

Passat dianteira

Durante muitos anos o Passat foi o carro mais popular da Volkswagen, era um modelo barato e de fácil acesso para pessoas de todas as classes sociais. Anos mais tarde o veículo deixou de ser vendido aqui no Brasil e só foi reaparecer em meados dos anos 90, apesar de muito parecido com o Santana ele tinha suas próprias características e preço.

A partir de então, o veículo ficou conhecido pelos seus altos valores e por cada vez mais se tornar um carro de luxo. Estamos em 2013, mas a versão do ano seguinte já aquece o mercado mundial, a Volkswagen o apresentou nos Estados Unidos como a nova geração do Passat TDI.

Preço do Volkswagen Passat TDI 2014

Como foi um veículo que recebeu mudanças apenas em alguns países até o momento, seu valor ainda não foi divulgado aqui no Brasil, vale lembrar que quando estiver sendo fabricado por aqui o consumidor pagará menos para adquiri-lo. Nos Estados Unidos o Passat TDI da Volkswagen tem dois preços e a versão de entrada custará $ 20.945,00, o modelo completo tem um acréscimo com preço sugerido de $ 26.295,00.

O preço é um excelente ponto para os norte-americanos investirem no Passat TDI, além de ter recebido diversos itens novos, o carro da Volkswagen está com design moderno e mais veloz do que nunca com as suas opções motoras.

Passat exterior traseira

Consumo do Volkswagen Passat TDI 2014

Quem ver o carro da Volkswagen TDI pela primeira vez talvez tenha a sensação de que está olhando para o Jetta, em vários detalhes eles se parecem incluindo as lanternas traseiras e faróis dianteiros. A maior diferença está na capacidade do motor de rodar por muito mais tempo com apenas um litro de combustível, vários testes foram realizados e o Passat TDI quebrou um recorde.

Em testes realizados nos Estados Unidos a marca alemã conseguiu o primeiro lugar entre os veículos que não são híbridos, o medidor contabilizou a média de 33,22 km/l dentro do circuito.

Esse é um número muito bom, pois sabemos que a maior parte dos veículos não chega nem a 20 km/l, normalmente quem faz essa quantia é uma moto de baixa cilindrada.

Lateral Passat

Ficha técnica do Volkswagen Passat TDI 2014

Apesar de várias versões terem sido criadas no exterior, o que deverá ser comercializado no Brasil a principio é o SE da Volkswagen, o qual trará um motor TDI Clean Diesel Engine. É um 2.0 capaz de gerar até 140 cavalos de potência, a sua arrancada é leve e as mudanças de marcha pouco são sentidas no interior graças a sua embreagem leve e macia.

O Passat TDI da Volkswagen na versão brasileira desembarcará com o câmbio manual de 6 marchas, virá com ar-condicionado, trava elétrica, vidros elétricos e até o sistema de ignição através do controle remoto. Em seguida a esse modelo teremos a versão de câmbio automático de 7 marchas, a diferença entre os dois é que o segundo consumirá mais combustível.

Interior

A princípio as informações ainda são desencontradas sobre a chegada, mas é provável que o Passat TDI da Volkswagen esteja no mercado brasileiro a partir do primeiro semestre de 2014.

Volkswagen Jetta TSI 2.0 2014

Jetta rodando

Quando o Jetta foi apresentado surpreendeu até mesmo os críticos automotivos, a maior parte deles esperava uma novidade na Volkswagen, mas não uma mudança em um veículo pouco procurado pelos consumidores brasileiros.

O Jetta da Volkswagen está disponível nas concessionárias em três versões, as quais possuem conjuntos internos diferentes, mas todos possuem motor de 2.0, o que muda em cada um são itens de série oferecidos. Confira nos tópicos abaixo preço, consumo e a ficha técnica do Jetta TSI 2.0 2014 da Volkswagen.

Preço do Volkswagen Jetta 2.0 2014

O sedã novo da Volkswagen tornou-se um veículo de presença assim que foi divulgado, o qual apresentou ser um carro potente em relação aos seus concorrentes da categoria. As renovações realizadas no modelo 2014 do Jetta 2.0 TSI o deixaram ainda mais completo, espaçoso e confortável.

São três versões do Jetta oferecidas aos consumidores com esse motor, as três já possuem preços definidos pela Volkswagen que vão de R$ 61.100,00 até R$ 89.500,00 da versão Highline que é a mais completa.

Jetta traseira

Consumo do Volkswagen Jetta TSI 2.0 2014

O veículo TSI da Volkswagen virá com suspensão traseira multilink e direção elétrica, na dianteira foram instaladas luzes de LED, obrigatórias em alguns países mesmo durante o dia por conta de neblinas. Ainda não existem muitas informações oficiais a respeito das mudanças, afinal esses detalhes são guardados até a apresentação no Salão do Automóvel.

O consumo é um dos dados mais importantes do carro, e acredita-se que o Jetta 2.0 da Volkswagen possa fazer a média de 8,6 quilômetros com um litro de gasolina e até 6,5 km/litro com a utilização do etanol.

Jetta dianteira 2014

Ficha técnica do Volkswagen Jetta TSI 2.0 2014

O motor, como sabemos, é um TSI 2.0 gerador de 211 cavalos a 5.500 rpm, o torque máximo é de 28,6 kgfm a 2.000 rpm. Toda a potência gerada faz com que o Jetta TSI da Volkswagen vá de 0 a 100 km/h em apenas 7,2 segundos. A velocidade máxima atingida é de 241 km/h em qualquer tipo de pista, e para ser controlado conta com os freios ABS instalados para garantir a segurança. Possui freios a disco nas rodas dianteira e traseira, sendo que os da frente são ventilados e com tecnologia ABS.

Bancos e volante são revestidos de couro para dar mais conforto, no painel o condutor encontra muitas informações sobre o veículo que mostra o consumo de combustível e outros mostradore. No lugar do rádio vem um display multimídia com várias funções incluindo: GPS, leitor de cartão de memória, pendrive e Bluetooth.

Intrior Jetta

A Volkswagen deseja trazer o Jetta TSI modelo 2014 o quanto antes, mas primeiramente ele será lançado nos Estados Unidos, depois será oferecido aos brasileiros em meados de 2014.

Para mais informações sobre o Volkswagen Jetta TSI 2.0 assista ao vídeo abaixo:

Peugeot 308 cc conversível

308cc vermelho da Peugeot.

A marca francesa Peugeot já foi mais querida em solo brasileiro, principalmente no período em que trouxe veículos populares com preços similares aos da concorrência. Atualmente deixou de lado essa categoria e trabalha nos carros com designs luxuosos, a intenção é conseguir chegar a um patamar maior.

O 308 cc vem com tudo para o Brasil na tentativa de elevar o nome da marca aos níveis desejados, ele recebeu diversos itens de série e ficou perfeito para quem deseja ter um veículo para passeio nos finais de semana e para longas viagens.

Ficha técnica do Peugeot 308 cc conversível

Ele foi liberado para testes no Brasil logo que lançado, se comportou bem e possui uma configuração interessante: seu motor é 1.6 turbo com 165 cavalos de potência, o relógio analógico no painel marca 5.000 rpm e mesmo em velocidade alta se ouve pouco do motor no interior. O que mais chama a atenção são os suspiros da turbina, ela foi feita para mostrar o nível de esportividade do carro.

Um detalhe que infelizmente compromete a qualidade do 308 é que ele possui 1.530 kg, números altos para um veículo esportivo. Nos testes de velocidade os resultados foram médios, ele gastou cerca de 9,9 segundos para ir de 0 a 100 km/h, nas retomadas empolgou um pouco mais, indo de 60 a 100 km/h em 5,5 segundos.

Interior do carro 308cc.

Consumo do Peugeot 308 cc conversível

Na parte exterior o ponto forte é o seu design robusto que começa com uma grande entrada de ar na dianteira, nas laterais o vinco começa nas portas e prossegue até o para-choque traseiro. As luzes de LED foram instaladas nos faróis de milha e também nas lanternas traseiras, esse item foi adicionado por conta da nova lei europeia que obriga os carros a circularem com as luzes sempre ligadas durante o dia.

O tanque de combustível suporta até 60 litros de gasolina que também influencia no peso final do 308 cc, esses números inapropriados fazem o seu consumo ser alto com 8,2 km/litro na cidade e 12 km/litro em rodovias. Espera-se que em uma versão futura a Peugeot possa melhorar o peso desse veículo, isso afetará sua velocidade e o consumo, que ficarão melhores.

Conversível 308cc vermelho da Peugeot .

Preço do Peugeot 308 cc conversível

A parte mais interessante para quem compra o 308 cc é o seu teto, ele possui um sistema muito bonito que guarda a capota na traseira. O processo de baixar e levantar esse item demora apenas 23 segundos. Mesmo passando por ruas feitas de paralelepípedo as vibrações sentidas no interior com a capota abaixada são pequenas, graças ao seu bom sistema de suspensão.

Apesar das qualidades e dos defeitos, o carro teve o seu preço reduzido para esse ano, nas concessionárias o valor sugerido é de R$ 112.501,00. Como ainda não foram trabalhadas novas mudanças a tendência é que nos próximos semestres esse preço continue caindo, portanto é hora dos interessados aproveitarem a oportunidade.

Traseira do conversível 308cc.

A marca deseja vender cerca de 15 unidades por mês nos próximos semestres, isso o tornará o mais exclusivo da marca no país.

 

Fiat Freemont Restyling 2014

Freemont branca da Fiat

O ano de 2014 deve ser um dos mais recheados de novidades que a Fiat já teve, a marca deseja reconstruir alguns de seus veículos para atrair mais consumidores e aumentar a sua vantagem na liderança do mercado nacional. Alguns veículos já passaram por mudanças, por exemplo, no motor, na aparência e em itens que precisavam de renovação.

O Freemont é um dos veículos que passaram por mudanças para o modelo Restyling 2014, algumas das mudanças aconteceram no câmbio sequencial automático de 6 marchas que foi instalado no lugar da antiga caixa de 4 marchas, dando mais potência e qualidade ao carro da Fiat.

Preço do Fiat Freemont Restyling

Como já havia sido antecipado pela Fiat em um evento, o valor da versão Freemont Restyling 2014 não subiu apenas pelo reajuste no câmbio, mas sim por vários itens de série que foram agregados.

A partir de agora esse SUV básico conhecido como Emotion da Fiat custará a partir de R$ 95.000,00, já a versão mais completa conhecida como Precision tem um valor a partir de R$ 102.000,00.

Dentre os itens que foram agregados no Freemont Restyling 2014 estão as rodas de aro 17, sensor de estacionamento e as barras no teto que eram opcionais e custavam R$ 1.003,00 nas concessionárias da Fiat.

Traseira do Freemont da Fiat.

Consumo do Fiat Freemont Restyling

Apesar das alterações feitas no SUV poucas coisas mudaram no veículo, o qual continua podendo carregar até 571 kg de carga, possui espaço para até sete pessoas em seu interior e com os bancos deitados há ainda mais espaço interno. Essa quantidade exagerada de itens internos deixa esse veículo com uma média de consumo alta de 7,2 km/litro na cidade e 10,8 km/litro nas rodovias.

Independente dos valores gastos com combustível, o Freemont Restyling 2014 é composto por um motor de 2.4 16V Dual VVT, é movido a gasolina e possui 4 cilindros com comando variável.

Esse motor consegue gerar 172 cavalos de potência a 6000 rpm, o torque máximo é de 22,4 kgfm, com todos esses elementos motores trabalhando juntos o SUV faz de 0 a 100 km/h em 12,9 segundos e limita-se a 190 km/h de fábrica.

Freemont da Fiat de lateral.

Avaliação do Fiat Freemont Restyling

O prazer de rodar com o Freemont Restyling 2014 começa pela sua ignição feita através do sistema Start/Stop, basta acionar o botão e o veículo liga. No centro do painel há uma tela de 8,4 polegadas de LCD instalada, é colorida e sensível ao toque, nela o condutor encontra GPS, Bluetooth, câmera de ré, rádio AM/FM e entrada para cartão de memória.

A direção elétrica traz prazer ao conduzir e fica fácil de realizar até mesmo as curvas mais fechadas sem que ele se desestabilize, ao selecionar a forma de pilotagem no câmbio o veículo começa a rodar e só é necessário usar o acelerador e freio para controlar o Freemont Restyling 2014.

Travas, vidros e retrovisores são elétricos, e os comandos são feitos em seus respectivos botões. É com todos esses itens que o Freemont Restyling 2014 enfrenta o seu maior concorrente da Dodge, o Journey SXT que custa a partir de R$ 109.900,00.

Interior do Freemont da Fiat.

O Freemont Restyling 2014 da Fiat já está disponível em qualquer concessionária brasileira com as mudanças no câmbio, o consumidor que o comprar terá direito as revisões gratuitas de fábrica.

Para mais informações sobre a Fiat Freemont Restyling 2014 assista ao vídeo abaixo:

Volkswagen lança novo Fusca

Novo Fusca vermelho da Volkswagen.

O Fusca sempre foi um ícone da Volkswagen no mundo, mas em poucos lugares esse carro é conhecido por esse nome, em cada país que esse veículo é comercializado batizaram o de acordo com a cultura local. O primeiro modelo era o carro mais barato do mundo, recebeu apoio de Hitler em seu desenvolvimento e era a oportunidade de pessoas de todas as classes sociais possuírem um veículo.

Há muitos anos que o fusca não era fabricado, mas com o passar dos anos uma versão requintada foi lançada pela Volkswagen. Nesse automóvel a empresa investiu todas as suas fichas para construir um novo veículo de primeira linha, com todas as suas tecnologias e com um valor atraente.

Preço do novo Fusca Volkswagen

A Volkswagen lança um novo modelo 2013 do fusca, que além de trazer o nome de volta a marca teve muito trabalho para deixá-lo moderno e luxuoso, foi necessário fazer mudanças nas lanternas traseiras e remodelar a dianteira pra lembrar ainda mais o ícone do passado.

A partir de agora o novo Fusca contará com sistema de navegação integrado, junto funcionará o rádio, touch screen, conexão Bluetooth e iPod.

O carro chegou às concessionárias em algumas versões com preços distintos, o mais barato deles será o modelo de entrada que sairá da concessionária por R$ 77.890,00. A versão completa do novo Fusca custa R$ 103.000,00; todas as venções desse novo modelo já estão disponíveis nas concessionárias da Volkswagen.

Novo Fusca azul.

Avaliação do novo Fusca Volkswagen

O evento de testes do novo Fusca em solo brasileiro teve a presença do antecessor o New Beetle, os dois foram colocados lado a lado para analisar as mudanças. Ao concluir a avaliação, percebe-se que o novo Fusca está mais rápido e com arrancadas velozes do que o seu antecessor.

Quem teve a oportunidade de conhecer o New Beetle pôde ver que esse carro da Volkswagen não tinha nada de esplendido no interior, tanto que a maior parte dos itens é de plástico incluindo o painel.

O espaço interno do novo Fusca é mais requintado do que o seu antecessor, pois possui um acabamento ousado em todos os detalhes, tanto os bancos quanto o painel e os acessórios que são todos revestidos de couro.

Interior do novo Fusca da Volkswagen

Ficha técnica do novo Fusca Volkswagen

O volante do novo Fusca da Volkswagen além de ter recebido mudanças em sua estética passou a ser multifuncional, a partir dessa versão terá o “shift-paddles” que permite trocas de marchas com apenas um toque no volante.

Por possuir sistema de turbo foram instalados três relógios no painel do novo Fusca, um para medir a temperatura do óleo, outro para medir a pressão do turbo e também um cronometro.

A Volkswagen lança o novo Fusca com um motor TSI com 200 cavalos de potência capaz de levar o veículo de 0 a 100 em poucos metros, é constituído de freios ABS, controle de tração e estabilidade, além do ASR, ESP e XDS feitos para diminuir a perda de controle do veículo em frenagens.

Traseira novo Fusca branco

Todas as mudanças trouxeram ao novo Fusca uma nova experiência em seu modo de condução, e com todos os preços disponíveis ficou mais agradável adquirir esse veículo da Volkswagen, segundo os consumidores.

E para mais informações sobre o novo Fusca da Volkswagen assista ao vídeo abaixo:

Volkswagen Touareg 4.2 FSI

Touareg branco da Volkswagen

Uma das coisas mais importantes para quem fabrica uma SUV é saber exatamente o que o público está buscando, é necessário construir um produto que leve o consumidor aproveitá-lo o máximo em qualquer tipo de terreno.

A Volkswagen compreendeu esse requisito e tem trabalhado muito em sua principal SUV para oferecer o melhor para os seus consumidores, e a Touareg já está no Brasil e disponível para compra.

O supercarro recebeu o nome de Tauareg e tem design reforçado, interior aconchegante, performance que poucos são capazes de imitar, tecnologia de última geração e segurança no interior e exterior. Conheça agora todos os principais detalhes dessa caminhonete, que irá surpreender o mercado nacional.

Preço do Volkswagen Touareg 4.2 FSI

Qualquer um que olhar para essa caminhonete vai se surpreender, principalmente pelos seus vincos que formam um design perfeito, os quais se iniciam na parte mais baixa do para-choque e vão até a parte traseira passando pelo capô e pelo teto.

As entradas de ar grandes e com grades espaçadas denunciam que possui um motor potente para ser refrigerado, assim chamando a atenção em qualquer lugar.

O Touareg 4.2 FSI foi feito em duas versões diferentes de motor TDI e cada um deles tem um preço, o primeiro com 6 válvulas é entregue por R$ 220.990,00 e o segundo com 8 válvulas pode ser adquirido pelo preço sugerido de 267.990,00.

Lateral doTouareg da Volkswagen

Consumo do Volkswagen Touareg 4.2 FSI

O Touareg 4.2 FSI da Volkswagen é uma SUV com uma boa aceleração, a qual consegue ir de 0 a 100 km/h em apenas 6,5 segundos, sua velocidade máxima limitada de fábrica é de 245 km/h e esses são números reais.

Esse carro da Volkswagen está entre os maiores e mais pesados da categoria e possui câmbio automático de 8 marchas, o maior problema desses números é que por ser pesada a Touareg consome alta quantidade de combustível.

Na cidade os números impressionam negativamente, porque o carro da Volkswagen faz apenas 4 km/litro e isso representa um valor muito baixo, pois nem um Camaro possui um consumo como esse. Na pista a diferença não é muito grande e os números aumentam para 7 km/litro se a viagem for a uma velocidade controlada, quanto maior a aceleração e peso no interior maior será o consumo do Touareg FSI.

Touareg preto da Volkswagen.

Avaliação do Volkswagen Touareg 4.2 FSI

As duas versões disponíveis nas concessionárias da Volkswagen receberam muitos itens que passaram pelas mais rigorosas avaliações, em todas elas o Touareg 4.2 FSI foi aprovado e por isso é um orgulho para a Volkswagen. Podemos começar com os seus airbags distribuídos no interior, com esses itens o condutor e os passageiros inclusive os ocupantes dos bancos traseiros estão protegidos.

O interior é muito aconchegante e têm itens de tecnologia avançados, os bancos são feitos em couro, o volante possui diversos comandos que foram especialmente instalados para controlar o sistema de mídia.

Há também no carro da Volkswagen o detector de fadiga que serve para avisar o condutor quando ele deve parar para descansar, outro detector é o de pontos cegos que avisa quando um veículo está em um local onde o motorista não pode vê-lo.

Interior doTouareg

Tudo o que a Volkswagen dispõe de mais novo está instalado no Touareg 4.2 FSI, esse carro SUV é um dos mais completos do mundo e vale a pena conferir pessoalmente para fazer um teste drive e tirar suas próprias conclusões.

Para mais informações sobre o Touareg  4.2 FSI da Volkswagen assista ao vídeo abaixo: